Negra Li faz pocket show ao vivo e agita o 11º Seminário Internacional Pais&Filhos

Que tal uma pausa musical para almoçar? A cantora, compositora e atriz animou a tarde do seminário com live musical incrível. A colunista da Pais&Filhos, além de tudo isso, é mãe solo de Sofia e Noah

Resumo da Notícia

  • Negra Li animou a tarde do 11º Seminário Internacional Pais&Filhos com pocket show
  • O evento, apresentado por Natura Mamãe Bebê e com patrocínio de Ninho, tem como tema: 'A Sua Realidade'
  • A cantora, compositora e atriz é mãe solo de Sofia e Noah, e colunista da Pais&Filhos

Negra Li, no 11º Seminário Internacional Pais&Filhos – A Sua Realidade, apresentado por Natura Mamãe Bebê e com patrocínio de Ninho, deixou todo mundo animado durante o preparo do almoço em família e durante a própria refeição. A cantora, compositora e atriz fez pocket show digno de levantar todo mundo do sofá. Ela ainda é colunista da Pais&Filhos e mãe solo de Sofia e Noah.

-Publicidade-

Antes do show começar, Negra Li disse que o maior erro que ela considera dela como mãe é o sentimento constante de culpa. Sobre os acertos, a cantora disse que acerta muito mais do que erra: ama incondicionalmente e financia a educação das crianças.

(Foto: Arquivo Pessoal)

O show começou com a música Comando, a canção mais recente publicada pela artista, que inclusive lançou desafio de coreografia nas redes sociais. Durante a apresentação ela também cantou os sucessos, Raízes, que tem como tema principal da luta antirracista, “Sou rainha de Sabá. A coroa é o meu cabelo. O meu canto milenar ninguém pode interrompê-lo”, diz trecho da canção.

Em seguida ela recitou a poesia acústica ‘Céu azul’, também sobre a resistência do povo preto, dizendo que está na hora de ressaltar o amor e que temos que colocar um fim na violência. Logo depois, homenageando Charlie Brown, ela cantou “Não é Sério”, uma parceria dos dois.

Com pegada mais romântica, Negra Li cantou música que fez em parceria com D’Black: ‘1 minuto’.  Ainda com o tema amor a mãe solo cantou uma tradução de ‘Beautiful’. Sobre autoestima e empoderamento, Negra Li ainda apresentou a canção ‘Mina’ e logo em seguida ‘Killing Me Softly’, de Fugees e depois ‘Você Vai Estar na Minha’. Enfim, para concluir o pocket show ela cantou de novo a música ‘Comando’.

O tema do 11° Seminário: A Sua Realidade

Colocar um filho no mundo é um exercício para a vida inteira. E vamos falar a real? Não existe mãe, pai ou filho perfeitos. Não fala que você não vai errar durante a maternidade ou paternidade, porque você vai. Ao mesmo tempo, é importante fugir daquela obrigação de estar sempre expondo os seus erros como mãe ou pai para todo mundo.

Mas conforme seu filho vai crescendo, como fica essa relação entre os erros e os acertos? O sofrimento e a realização plena? A felicidade e a tristeza? A culpa e o alívio? E se a maternidade gera tanta culpa e dor, por que vale a pena? Esse é o tipo de pergunta que não tem justificativa. É tentar explicar o inexplicável: o amor de mãe e pai. Afinal, é com o amor e construção da parentalidade que os erros se transformam em acertos. E vice-versa.

Cada família tem a sua realidade e sabe o que é melhor para o filho no momento da criação. Em meio a esses erros e acertos, você vai encontrando aos poucos a sua forma de amar, cuidar e criar vínculos entre pais e filhos. Por isso, chegamos ao tema desta edição.

Programação 11º Seminário Internacional Pais&Filhos – A Sua Realidade

  • 11h | Abertura
  • 11h20 | Mesa-redonda – 7 (e muito mais!) pecados capitais – com Vera Iaconelli e Lia Bock
  • 12h50 | Palestra: É o amor – com Marcos Piangers, pai de Anita e Aurora, jornalista, escritor e colunista da Pais&Filhos
  • 14h20 | Pocket-show com Negra Li, mãe de Sofia e Noah, cantora, compositora e colunista da Pais&Filhos
  • 15h00 | Bate-papo com Patricia Tobo, filha de Paulo e Maria, pesquisadora e vice-diretora de Ciências de Bem-Estar da Natura
  • 15h30 | Palestra – Pagando a língua – com Miá Mello e Marcileni Melo, filha e mãe
  • 16h30 | Bate-papo com Família Baltar -Humberto e Thainá, pais de Apolo
  • 16h50 | Palestra: Confia e vai! – com Humberto Baltar, pai de Apolo, educador e fundador do coletivo Pais Pretos Presentes
  • 17h40 | Mesa-redonda: Mil e uma realidades – com Thiago Queiroz, Daniela Becker, Fafá Conta e Aline Barbosa
  • 18h50 | Encerramento