“A cadeia é melhor”: Pai assusta a internet com foto do almoço do filho na escola

Chris Vangellow mora em Nova Iorque e, por lá, decidiu fazer um desabafo nas redes sociais sobre o tipo de comida que tem alimentado os filhos na escola. Muitas família se depararam com o post viral, e também compartilharam os pratos consumidos pelas crianças

Resumo da Notícia

  • Um pai assustou a internet ao mostrar como é o almoço servido na escola do filho
  • Chris Vangellow é de Nova Iorque e, por lá, fez um post viral no Facebook desabafando sobre as refeições das escolas
  • Muitas famílias se identificaram com o relato, e também compartilharam as refeições que as crianças vem recebendo

Oi?! Um pai de Nova Iorque, nos EUA, viralizou ao compartilhar com amigos do Facebook o prato de almoço oferecido pela escola do filho. Chris Vangellow, na rede social, ainda desabafou sobre o serviço distribuído pelas instituições públicas do país.

-Publicidade-

No post, ele mostra um prato com alguns pedaços de frango empanado, uma caixa de leite, uma porção de arroz e cenouras cruas. Na legenda, Chris comenta: “Recebi esta foto hoje. Realmente é ridículo. Não venha para mim com a porcaria de ‘você recebe o que você paga’ ou ‘apenas mande-os com comida'”.

E ainda se explica, “O problema é que nem todas as famílias podem fazer isso. Nós não vivemos em uma área muito rica. Algumas crianças podem não receber muito ou nada quando estão em casa e é disso que elas têm para sobreviver”.

Muitas pessoas se assustaram com o relato e com a foto reveladora – e até internautas que já frequentaram a prisão opinaram sobre o cardápio das instituições. É isso mesmo! Um deles ainda chegou a dizer: “A cadeia é melhor, mas não muito”.

Internautas se assustaram com a refeição
Internautas se assustaram com a refeição (Foto: Reprodução/ Facebook)

Outros pais, inclusive, se solidarizaram com o relato do pai e fizeram de compartilhar, eles mesmos, as refeições que os filhos recebem na hora do almoço. A maioria deles concluiu que a situação é, em grande parte, precária – e se preocupam com a saúde dos alunos.

Alguns estudantes de colégios públicos dos Estados Unidos chegaram a dividir opiniões sobre o cardápio servido. Enquanto uns admitiram que, realmente, se sentem prejudicados pelas refeições, outros agradeceram pelo pouco que recebem. “Sim, eles podem estar com pouco orçamento, mas pelo menos nos dão algo quente e fresco”, escreveu um aluno. Outro ainda completou, “Parece ser muito medíocre e não promover uma dieta saudável como é anunciado”.

O superintendente do distrito escolar central de Parishville-Hopkinton, William Collins, pediu desculpas pela refeição ao perceber que Chris era pai de um aluno que frequentava a escola que era responsável. Ele disse, na postagem: “Para ser justo com o refeitório, os alunos têm direito a mais uma porção de frutas ou legumes e uma pepita adicional do que aparece na fotografia; no entanto, isso não altera a mensagem de que muitos alunos e pais estão insatisfeitos com a merenda escolar”. Que confusão!