Alunos das Filipinas se transformam em robôs para receber diplomas em “ciberformatura”

A graduação não poderia acontecer devido ao coronavírus. Para evitar que o evento fosse adiado, eles encontraram uma forma, usando a tecnologia ao favor de todos

Resumo da Notícia

  • Estudantes das Filipinas encontram maneira de fazer com que a formatura não fosse adiada
  • Eles se transformaram em robôs e a graduação aconteceu, respeitando o isolamento social
  • A "ciberformatura" contou com alguns robôs com tablets no lugar do rosto
  • O rosto dos alunos eram transmitidos nesses tablets
  • A cerimônia foi transmitida ao vivo nas redes sociais
Robôs tomam lugar de alunos para que formatura aconteça nas Filipinas (Foto: reprodução Globo)

Muitos sonhos precisaram ser interrompidos ou adiados devido à pandemia de coronavírus. Esses estudantes das Filipinas, no entanto, não quiseram esperar para se formarem e inventaram uma forma de fazer com que o evento continuasse, respeitando as regras de distanciamento social.

-Publicidade-

Os formandos do ensino médio tiveram uma festa um tanto quanto curiosa e completamente tecnológica nesta sexta-feira, 22 de maio. Para evitar a proliferação da doença, eles fizeram uma “ciberformatura”, em que os diplomas foram entregues a robôs, que no lugar do rosto tinham um tablet com a foto de cada aluno.

179 jovens graduaram por meio desta cerimônia virtual, que foi transmitida ao vivo nas redes sociais, segundo o G1. Ela aconteceu no Colégio Senador Renato “Compañero” Cayetano Memorial de Ciência e Tecnologia, em Taguig, na capital das Filipinas, Manila.

-Publicidade-

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!