Família

Amazônia em família: um roteiro para levar as crianças para a selva

Em quatro dias visitamos aldeias indígenas, mergulhamos no rio Negro, nadamos com botos e curtimos demais a natureza

A REDAÇÃO PAIS&FILHOS

Se você é do tipo que adora passar o final de semana relaxando, de pernas para o ar, enquanto seu filho se diverte muito com monitores,prepare-se para mudar de ideia e fazer as malas para uma aventura de verdade com a família!

Eu estou falando da Amazônia, floresta tropical, localizada no Norte do país. É muito provável que você tenha ouvido falar dela nas aulas de geografia, em documentários e em filmes. E também é muito provável que as imagens afastem a ideia de férias em família por lá. Afinal, como se embrenhar em lugares “inóspitos” com crianças?

A natureza está de olho em você

A natureza está de olho em você Foto: Laís Carvalho


Por isso eu fui conhecer de perto um pacote pensado para famílias. Para começar, vale tentar dissipar a principal angústia: segurança é uma das principais preocupações dos organizadores (sim, essa foi minha primeira pergunta). Além de ter caixa de primeiros socorros e pessoal treinado, teremos sempre três lanchas à disposição. Em caso de emergência, são 15 minutos até a área urbanizada da cidade.

A idealizadora do programa é íntima da floresta. Maria Teresa Junqueira Meinberg, filha de Henrique e Alice, conhecida por todos como Fofa, é paulista, mas passou todas as férias de verão da sua infância em uma fazenda no sul do Pará. “Quando eu voltava para a escola, todo mundo falando da Disney e eu quieta. Não gostava muito de conta o que tinha feito. Pra ter ideia, minha mãe foi chamada na escola porque meu irmão estava mentindo muito: ele contou pra professora que tinha dormido em rede no mato, visto onça, jacaré… E era tudo verdade!”

Fazendo das lembranças uma profissão
Mas Fofa cresceu e desde 2008 trabalha levando turistas para a Amazônia. A ideia do roteiro familiar veio de uma amiga, que também trabalha com turismo. “Ela traz grupos de alunos de escolas de São Paulo para fazer estudo do meio. Na volta, os pais sempre perguntam se tem alguma viagem para todo mundo. Ela sugeriu que eu oferecesse algo e aqui estamos.”

Sim, aqui estamos, conversando em uma mesa do restaurante do barco, perto da janela, enquanto o Rio Negro desliza embaixo de nós e as crianças brincam sob os olhares de todos (todos mesmo!).

A programação do roteiro é intensa, mas distribuída de uma maneira que não fica cansativa. A organização é a mesma todos os dias: acordar, ser recepcionada por um farto café da manhã, sair para uma atividade, voltar às 11h, esperar no deck enquanto o almoço fica pronto, almoçar, descansar, sair para outra atividade, voltar ao fim da tarde, relaxar no rio, jantar e dormir para começar tudo de novo. Como o pacote é all inclusive, o relaxar conta com caipirinhas e sucos de frutas nativas, uma delicia para a família toda!!!!

Dia 1 – conhecendo nosso hotel flutuante