Ana Paula Siebert desabafa após passar o dia longe de Vicky pela primeira vez

Modelo lamentou ter que sair sem a filha do casal pela primeira vez após dar à luz. A menina completa três meses no próximo dia 17 de agosto

Resumo da Notícia

  • A mãe lamentou ter que sair sem a filha pela primeira vez após dar à luz
  • A menina completa três meses no próximo dia 17 de agosto
  • Vicky é fruto do relacionamento com Roberto Justus

Nesta quarta-feira, 12 de agosto, Ana Paula Siebert usou o Instagram para falar sobre uma situação inédita que viveu. A modelo, mulher de Roberto Justus, lamentou ter que sair sem a filha do casal, Vicky, pela primeira vez após dar à luz. A menina completa três meses no próximo dia 17 de agosto.

-Publicidade-
Vicky é fruto do relacionamento com Roberto Justus (Instagram @robertoljustus)

“Que sensação esquisita é sair de casa e deixar a Vicky. É a primeira vez que vou passar tantas horas longe dela. Tirei leite, fiquei com ela antes de sair, e mesmo assim parece que estou deixando um pedaço de mim. Uma sensação de vazio. Já saí de casa, mas nunca por tanto tempo. Hoje vou ficar até o fim do dia fora. Estou com um aperto no coração”, desabafa.

Recentemente, Siebert babou pela filha virando de bruços aos dois meses de vida. “Tem uma menininha por aqui que ganhou um brinquedo novo e que já está ficando de bruços! Olha isso, gente!”, babou ela.

-Publicidade-

Cuidados com Vicky

Ana Paula Siebert usou as redes sociais para contar um pouco sobre a rotina com a filha. A famosa contou que tem ajuda para cuidar da bebê, de 2 meses, e explicou que contratou uma ajudante devido a quantidade de trabalho. Ana Paula Siebert voltou a trabalhar cerca de duas semanas após o nascimento da filha.

Ana Paula Siebert fala que tem ajuda para cuidar de Vicky (Foto: Rerodução / Instagram @anapaulasiebert)

Ana Paula Siebert fala que tem ajuda para cuidar de Vicky “Eu sou muito agitada. Falei ‘não vou aguentar esse negócio de não trabalhar’ e acabei assumindo muitos compromissos antes de ela nascer para depois de ela nascer, assinei contrato e tive que cumprir”, começou contanto. “Por mais que eu tenha ajuda, não quero que ela esteja acordada, que as coisas estejam acontecendo e eu esteja perdendo, fico com vontade de ver a evolução dela o tempo inteiro então estou sempre com ela. Mesmo que vá dormir de madrugada, se ela acordar mais cedo, quero acordar com ela porque quero ver como ela está acordando, como ela está, se ela está sorrindo”, continuou.

A famosa contou, também, que o cansaço afetou a produção de leite e, por isso, decidiu tirar uns dias para descansar. Além disso, ela falou que, se não fosse o isolamento social, não conseguiria ficar tanto tempo com a filha. “Eu não me acho menos mãe por ter ajuda porque eu sei a mãe que sou, e eu sou uma mãe dedicada, amorosa, estou o máximo que posso grudadinha. Mas é muito difícil. E é muito difícil porque acho que chega um momento que a exaustão deve ser tão grande que deve ser muito difícil você dar atenção, cuidar da criança como tem que cuidar quando se está muito cansada. Então mães, quando vocês criam sozinhas, minha admiração. Porque vocês são muito guerreiras”, finalizou.

O 9º Seminário Internacional Pais&Filhos – A Tal da Felicidade está aí! Ele vai acontecer no dia 19 de agosto, completamente online e grátis. Serão oito horas de transmissão ao vivo e você pode acompanhar tudo neste link aqui. Esperamos por você!

-Publicidade-