Angelina Jolie fala a real sobre separação com Brad Pitt quatro anos após o divórcio

A atriz abriu o coração e contou o que a motivou a terminar seu relacionamento com Brad. Os dois começaram a namorar em 2005 e se casaram em 2014, pouco tempo antes de se divorciarem

Resumo da Notícia

  • Angelina Jolie abriu o jogo e contou o motivo de sua separação com Brad Pitt
  • Ele e a atriz tiveram seis filhos: Maddox, Pax, Zahara, Shiloh, Knox e Vivienne
  • Ela também falou um pouco sobre a maneira como ela educa seus filhos
(Foto: Reprodução / Instagram)

Hollywood formou muitos casais e muitas famílias, não há dúvidas sobre isso! Um dos mais conhecidos e queridos, Angelina Jolie e Brad Pitt, chocou o mundo e muitos fãs após anunciarem uma separação em 2016. Mas o que aconteceu, de fato, para que eles se separassem?

-Publicidade-

Angelina e Brad começaram a se relacionar em 2005, após participarem juntos de um longa-metragem chamado “Sr e Sra. Smith”. Depois de assumirem estarem juntos, o casal passou 11 anos juntos, se casaram oficialmente em 2014 (dois anos antes do divórcio) e tiveram ao todo seis filhos: Maddox, Pax, Zahara, Shiloh, Knox e Vivienne.

Em entrevista à Vogue, Angelina contou que o principal motivo que a fez tomar a decisão de terminar seu relacionamento com Brad foi sua família: “Me separei pelo bem-estar da minha família e essa foi a decisão correta”, ela disse, abrindo o coração. “As crianças se deparam com muitas mentiras sobre nós na mídia, mas eu sempre converso com eles a respeito e elas sabem qual é a verdade”.

-Publicidade-

Além de abrir o jogo, a atriz também falou sobre a maneira que educa seus filhos: “Cada maneira é um jeito lindo de formar uma família”. “O que importa é falar com honestidade. Adoção e orfanato são palavras que, na nossa casa, são tratadas de maneira positiva. Não posso falar para meus filhos adotivos sobre uma gravidez, então eu conto como foi a primeira vez que eu os olhei nos olhos”, ela contou ao veículo.

-Publicidade-