Avó de 67 anos pedala 25km por dia para ajudar a neta a se formar na faculdade

A idosa vende amendoins caseiros pela rua para pagar o curso de psicologia da menina

Resumo da Notícia

  • Anitta Pereira da Rosa, de 67 anos, vende amendoins caseiros para ajudar a neta a pagar a faculdade de psicologia
  • Ela pedala por 25 quilômetros vendendo os amendoins pelas ruas
  • A avó tem muito orgulho da neta e até mostra o boletim dela para os clientes

A avó Anitta Pereira da Rosa, de 67 anos, tem o grande sonho de ver a neta se formar na faculdade. Para isso, a idosa pedala 25 quilômetros quase todos os dias vendendo amendoins caseiros para ajudar a neta, Nakira Friedrich, de 18 anos, a pagar o curso de Psicologia.

-Publicidade-
Avó pedala vendendo amendoins para ajudar neta a pagar a faculdade  (Foto: Reprodução/ Campo Grande News/ Vanessa Ayala)

Ao portal Campo Grande News avó contou: “Minha neta precisava fazer a faculdade e queria muito iniciar os estudos, então, para pagar a mensalidade tomei essa minha decisão. Eu disse que sairia com minha bicicleta na rua para vender os amendoins e juntar dinheiro”.

Muitos poderiam achar que o esforço de Anitta duraria pouco, cerca de meses… Mas a avó segue firme no trabalho já há 1 ano e 7 meses. Todas as manhãs ela sai de casa por volta das 8 horas e 30 minutos e pedala até a loja do filho. Lá ela vende alguns amendoins e quando dá 14 horas, sai pelas ruas da cidade para continuar a venda.

Ela contou que produz em casa 80 pacotes de amendoim por dia, na versão doce ou salgada. A corrida de bicicleta ocorre de segunda à sábado e aos domingos ela vende na feira do Guanandi, onde tem um espaço na barraca cedido por amigos.

A avó produz 80 pacotes de amendoim por dia (Foto: Reprodução/ Campo Grande News/ Vanessa Ayala)

Anitta é super saudável e mantém o bom humor. Ela contou que não tem problemas em falar da idade e brincou: “Sempre digo que tenho menos de 100”. Ela já fez amigos nas ruas em que pedala, e muitos são super generosos com ela. A avó falou: “Tem gente que me paga até R$ 100,00. Eles falam que meu amendoim está muito barato, mas eu não tenho coragem de aumentar”.

O ânimo da avó impressionou muita gente, e virou símbolo de motivação para muitos que, assim como ela, amam andar de bicicleta. Ela afirmou: “O povo me ama e ninguém dá pra mim a idade que eu tenho, muitos admiram minha disposição, é uma benção. Eu amo o que eu faço, tô fazendo por ela, porque pra minha sobrevivência eu nem preciso”.

O ânimo da avó contagiou a vizinhança (Foto: Reprodução/ Campo Grande News/ Vanessa Ayala)

A idosa tem muito orgulho da neta e futura psicóloga da família. Emocionada, ela disse: “Minha neta é uma benção, uma princesa, eu a amo demais. Ela me agradece e chora”. Ela também falou que faz questão de mostrar o boletim de Nakira. “Eu mostro para meus clientes, o ano passado, a nota mais baixa dela foi 8, esse ano teve um 7,5, daí o povo que compra comigo comenta que ela tem que melhorar”, brinca.

Nakira reconhece todo o esforço da avó e é muito grata por ele. A jovem disse: “Ela ajuda todo mundo, e ver essa comoção dela para realizar esse meu sonho, me deixa extremamente feliz, a minha família é muito unida, essa união vem dela, fico emocionada por ela disponibilizar o tempo dela e sua força física para me ajudar, isso é muito gratificante”.