Avô rifa o próprio carro para realizar sonho da neta de cursar medicina: “Desistir não está nos planos”

Walter Lautenschlager, de 69 anos, comprou o Fusca há 2 anos e o reformou. Apesar do apego, decidiu oferecer para a Pietra Bianca pagar a faculdade

Resumo da Notícia

  • O avô de Pietra Bianca, de 19 anos, se dispôs a rifar o Fusca, de 1967, para ajuda-la a pagar a dívida na faculdade de medicina.
  • Walter Lautenschlager, de 69 anos, comprou o carro há dois anos e pagou para reforma-lo.
  • A família pretende vender mil rifas, mas conseguiu apenas 200.

Avô decide ajudar a neta a pagar o curso de medicina, em faculdade particular da região que mora, com rifa no Fusca, de 1976. Walter Lautenschlager, de 69 anos, quer ajudar a realizar o sonho de Pietra Bianca, de 19, que mora em Santa Catarina, na cidade de Blumenau, com os avós e a mãe, uma professora da rede municipal. A família pretende vender mil bilhetes, mas conseguiu apenas 200. Para acelerar o processo, criaram um perfil nas redes sociais e incentivam os compradores a participarem.

-Publicidade-
O sonho dela de cursar medicina também virou o dele. (Foto: Reprodução/ Pietra Bianca/Arquivo Pessoal)

“Somos muito ligados. Moro com ele desde que nasci e ele é como um pai para mim. Quando ele decidiu vender o carro por mim, percebi que o que ele mais queria era que eu realizasse meu sonho, se tornou o sonho dele também. Sou muito grata por isso, por esse apoio e essa oportunidade”, diz a neta.

Pietra precisou atrasar a mensalidade quatro vezes por falta de dinheiro, devendo o aproximado de R$ 28 mil. Ela não tem como trabalhar para ajudar a pagar as despesas, pois o curso é integral. A estudante contou que a faculdade pretende oferecer 25% de desconto para ajuda-la, o que vai ser abatido no montante da dívida. Após pagar o valor com a venda do carro, vai continuar cursando medicina e tentará uma bolsa estudantil ou financiamento acadêmico.

“Querendo ou não, se apegou a ele [ao carro], mas não hesitou em vendê-lo por mim. Minha maior vontade é poder compensá-lo no futuro, proporcionando a ele e minha família uma vida boa e sem tantas preocupações como agora. Quero realizar os sonhos dele, assim como ele está realizando o meu”, afirma ela.

O avô aposentado comprou o Fusca há cerca de 2 anos e o reformou, mas decidiu vender para ajudar a neta. Esse sorteio da rifa vai acontecer pelo Loteria Federal. “Inicialmente, a ideia era apenas vender o Fusca para poder quitar as mensalidades atrasadas, mas minha mãe conversando com um amigo de trabalho veio com a ideia da rifa, então decidimos fazer”, contou Pietra.

(Foto: Reprodução/ G1/Pietra Bianca/Arquivo Pessoal)

O sonho pela medicina

“Desde que me entendo por gente, sempre quis ser médica. Quando eu tinha 4 anos assisti a uma novela que tinha uma pediatra e eu achei aquela profissão muito legal. Mesmo crescendo nunca tirei a ideia da cabeça, ainda mais conhecendo mais sobre a área. Quero muito ajudar as pessoas”, contou Pietra, que se formou do ensino médio em 2019, mas apenas depois de três anos, a família conseguiu arcar com os custos da matrícula.