BBB 22: Mãe do Gustavo fala que filho fez tratamento médico para barrar crescimento

A mãe do Gustavo do BBB 22, falou que se o filho não tivesse feito tratamento hormonal contra crescimento, ele teria mais de 2m de altura

Resumo da Notícia

  • O Gustavo do BBB 22 passou por tratamento hormonal
  • Segundo a mãe do bacharel em Direito, era para o filho ter mais de 2m
  • A mãe do brother disse que o filho já pensou em ser atleta

Durante o período da infância e adolescência, o atual participante do BBB 22, o Gustavo Marsengo, passou por alguns tratamentos hormonais. Na época, o bacharel em Direito, participava de agências de modelo, as quais sugeriram que o brother procurasse um médico parar retardar o crescimento. Atualmente, o Gustavo se destaca por seu 1,95m de altura.

-Publicidade-

Em entrevista ao portal Patrícia Kogut, do jornal O Globo, a mãe do participante falou sobre essa experiência que o filho teve. “Quando ele começou a crescer fora da curva, eu o levei ao médico para ver. Ele fez a projeção, Gustavo ia chegar a 2,15m. Então, disse: ‘Mãe, não quero ser gigante’. Ele não sofria bullying ou pelo menos eu não soube. Ele se assustou assim como aconteceu comigo ao ouvir o médico falar dessa altura. Ele ainda fez psicóloga e falou que talvez até pudesse ser uma boa porque jogava vôlei, mas na época decidimos juntos que ele tomaria hormônio para frear o crescimento”, disse

Gustavo e Laís BBB 22
Mãe do Gustavo do BBB 22 fala sobre o tratamento médico do filho (Foto: Reprodução/TV Globo)

Antes da mãe e do Gustavo decidirem, juntos, a decisão de fazer tratamento hormonal, eles optaram em saber a opinião do pai. “Eu, o pai dele e ele decidimos assim [fazer tratamento com hormônio]. Ele dizia: ‘Se eu parar com 1,95m está bom’. Ele tomou o hormônio por um ano ou um ano e meio e parou onde queria”, completou.

Durante alguns episódios da casa mais vigiada do Brasil, o Gustavo já chegou a comentar sobre o possível futuro que teria, caso não tivesse tomado os medicamentos. Ele já chegou até se imaginar jogando vôlei junto com o irmão. Mas, com o passar da vida, o brother seguiu o caminho da advocacia e atualmente é bacharel em Direito.

“Ele pensa em como teria sido, se poderia estar jogando vôlei com o irmão, caso fosse mais alto. Isso é natural, né? Pensar nas consequências de tomar um atitude ou não. Lukas é mais baixo, tem 1,75m, e joga na posição de líbero. Mas é que os dois têm pais diferentes. O do Gustavo é do meu primeiro casamento e o do Lukas é do segundo. Eles têm dez anos de diferença”, finalizou.