Bebê de 1 ano é mordido por tigre em zoológico após a mãe ultrapassar limite de segurança

Leon de apenas 1 ano foi atacado por um felino no Taigan Safari Park na Crimea os policiais alegam que a culpa tenha sido da mãe

Resumo da Notícia

  • Uma mãe estava com o bebê no colo quando o tigre se aproximou e mordeu o dedão da criança
  • Anastasia levou o filho até o posto de primeiros socorros para ser atendido por enfermeiras
  • O parque não se posiciou sobre o ocorrido mas a mãe fará reclamações

Anastasia de 22 anos estava com o bebê no colo enquanto passeavam pelo Taigan Safari Park na Crimeia, quando de repente ela viu o filho sangrando, ele começou a chorar e gritar logo depois de ter sido mordido.

-Publicidade-

A mãe contou que estava segurando o bebê em uma distância de 30 centímetros da grade em que o tigre se encontrava, quando de repente viu o filho com sangue e chorando, ela foi correndo para a estação de primeiros socorros do local para ser atendida por uma enfermeira, logo depois Leon foi levado ao hospital em Simferopol.

O bebê perdeu o polegar e precisa usar ataduras por enquanto
O bebê perdeu o polegar e precisa usar ataduras por enquanto (Foto: Reprodução/Mirror)

Testemunhas disseram que o tigre passou por cima de uma barreira e atingiu a criança, outros visitantes que viram disseram que o tigre saltou de algum lugar alto  e puxou o braço do bebê com uma de suas garras.

Anastasia alegou que não escutou nenhum rugido ou barulho que pudesse alertar o perigo, foi simplesmente do nada. Ela ainda complementou dizendo que faria reclamações contra o parque por negligência. A polícia acredita que a mãe tenha ultrapassado a barreira de segurança, por isso o tigre conseguiu alcançar o polegar do bebê, mas a mãe negou que isso tenha acontecido.

Outro caso de acidente no zoológico foi de uma garota de 21 anos que estava limpando a cela de um tigre, porém não avisaram que a porta da jaula estava aberta, foi então que o felino a atacou no pescoço matando-a na hora.