Bebê engatinha sozinho na praia e mãe só percebe minutos depois: “Não estava preocupada”

O bebê chegou a aparecer no topo de um lance de escadas que levava a uma estrada movimentada

Resumo da Notícia

  • Na última terça-feira, 20 de agosto, um vídeo causou polêmica nas redes sociais;
  • Isso porque um bebê apareceu no topo de um lance de escadas que leva a uma estrada movimentada sozinho em uma praia do sudeste da Inglaterra;
  • Foi um casal que encontrou a criança e a devolveu à mãe.

Na última terça-feira, 20 de agosto, um vídeo causou polêmica nas redes sociais. Isso porque um bebê apareceu no topo de um lance de escadas que leva a uma estrada movimentada sozinho em uma praia do sudeste da Inglaterra. Foi um casal que encontrou a criança e a devolveu à mãe.

-Publicidade-

“Michael e eu estávamos descendo a praia quando notamos um bebê subindo alguns degraus. Ficamos hesitantes no começo, depois confusos. O bebê subiu engatinhando no segundo lance de escada de concreto que vai da praia a uma estrada movimentada”, contou um dos homens que aparecem no vídeo.

Bebê é encontrado sozinho na praia (Foto: Reprodução/ TikTok)

“Passamos por três a quatro grupos diferentes de pessoas. O bebê deve ter engatinhado muito e foi ignorado ou não foi percebido por ninguém. Desde perceber o bebê até devolvê-lo à mãe foram cerca de cinco minutos. Acreditamos que era uma menina. O bebê disse: ‘mãe’, ao ver a mãe se virar à distância”, disse.

Foi neste momento que o homem devolveu o bebê à mãe. Entretanto, o casal contou que a mãe não falou nada – como se não tivesse dado falta do bebê. Impressionados com a situação, eles decidiram compartilhar as imagens para conscientizar outras famílias.

(Foto: Getty Images)

Nos comentários, os internautas se mostraram indignados. “O jeito que ela nem agradeceu ao cara e continua no telefone, até chuta a bola”, disse uma pessoa. “Então, ela realmente não se importou? Não estava preocupada. Não  estava grata. Uau!”, escreveu outra pessoa. “Sorte que o bebê subiu as escadas e não caiu no mar”, acrescentou outra pessoa.