Bem-estar! Veja as 100 melhores cidades brasileiras para morar com a família

O ranking foi feito com base em áreas como educação, segurança, saneamento e saúde. Veja quais foram os municípios vencedores

Resumo da Notícia

  • Veja as 100 melhores cidades brasileiras para morar com a família
  • O ranking foi feito com base em áreas como educação, segurança, saneamento e saúde
  • Veja o resultado

A  Macroplan – consultoria em cenários prospectivos e administração estratégica – criou um ranking com as 100 melhores cidades brasileiras para se viver. Para fazer essa classificação, a empresa mediu áreas como educação, segurança, saneamento e saúde no estudo Índice dos Desafios da Gestão Municipal 2021, IDGM – tudo que uma família deseja!

-Publicidade-
Veja as melhores cidades para morar com a família (Foto: iStock)

A campeã deste ano foi Maringá, uma cidade localizada no interior Paraná, que conta com 430 mil habitantes. A cidade é uma das únicas do Brasil que já esteve no primeiro lugar do ranking mais de uma vez – ela também foi campeã em 2017 e 2018.

Logo depois de Maringá, o ranking segue com outras cinco cidades do interior, dessa vez do estado de São Paulo. São elas: Jundiaí, São José do Rio Preto, Piracicaba, São José dos Campos e Franca. Entre as capitais, as melhores colocadas foram Curitiba, Vitória, Belo Horizonte, São Paulo e Florianópolis.

-Publicidade-

A pesquisa também contou com recortes específicos. Para os pais que buscam boa educação para os filhos,  as melhores cidades são Piracicaba, Limeira, São José dos Campos, Praia Grande e Maringá. Já se o seu principal interesse for saúde, essas são os melhores locais: Florianópolis, Vitória, Curitiba, Palmas e, empatadas, as cidades de Joinville, Maringá e Montes Claros.

No quesito segurança, em primeiro lugar ficou a cidade de São Paulo, seguida por Santos, São Bernardo do Campo, Mauá e Santo André. Já na área de  saneamento e sustentabilidade, as melhores colocadas são Santos, Franca, Maringá, Curitiba e Uberaba. Você pode ver o ranking completo das cidades no site do IDGM.

-Publicidade-