Black Friday: como fazer compras online para a família com segurança

A sexta-feira mais aguardada do ano pelos consumidores será no dia 27 de novembro; para aproveitá-la da melhor maneira, veja as dicas para evitar golpes e fraudes

Resumo da Notícia

  • A Black Friday acontecerá no dia 27 de novembro, a última sexta-feira deste mês
  • As compras online são uma boa pedida para aqueles que não querem arriscar em shopping lotados durante a pandemia
  • Veja dicas de como aproveitar as promoções com segurança na internet

Com a chegada de novembro nos aproximamos cada vez mais do melhor dia do ano para fazer compras: a Black Friday! Em 2020 o evento acontecerá no dia 27, a última sexta-feira deste mês, mas os descontos já começaram a aparecer. Com a pandemia rolando, as coisas devem ficar um pouco diferentes dessa vez, afinal, muitas lojas e shoppings terão controle de lotação e até horário de funcionamento restrito. Assim, quem não quer perder as promoções deve ficar de olho nos sites e optar pelas compras online.

-Publicidade-
É necessário estar atento aos sinais de que existe algo errado (Foto: Unsplash)

Apesar de ser a opção mais segura para a saúde da sua família, é importante ficar atento para que o dia não vire um pesadelo. Isso porque todos os anos milhares de consumidores acabam caindo em golpes virtuais ao comprar em sites de confiança duvidosa. Segundo a advogada e fundadora da plataforma Digital Mais Legal, Dra. Ivanice Cardoso, mãe de Helena e Beatriz, nossa supercolunista e especialista em direito de imagem e consultora para comportamento seguro na internet, reconhecer os sinais de que existe algo errado é um dos caminhos para uma Black Friday tranquila.

Para começo de conversa, os golpes mais comuns no meio virtual são a venda de produtos falsos e o roubo de dados. O primeiro, alerta a advogada, acontece quando a loja vende um produto que não existe no estoque, e o segundo, quando criminosos invadem as informações da compra para terem acesso ao número do cartão, documentos e endereço do cliente.

-Publicidade-

Como identificar um site confiável?

É importante estar atento as recomendações (Foto: Unsplash)

A especialista alerta que os golpes estão ficando cada vez mais difíceis de serem reconhecidos, mas existem alguns detalhes que vale a pena reparar ao entrar em um site desconhecido. “O mais comum é o site não ter elementos de segurança como o ‘cadeadinho’ fechado ao lado nome do endereço e não ter o “https://” no início. Outro sinal é quando o existem erros de gramática em palavras escritas, assim como símbolos ou logomarcas que não são fiéis aos originais. Também é possível identificar que se trata de um site falso quando você clicar com o botão esquerdo do mouse sobre a barra de endereço e aparecer outro nome”, explica Ivanice.

Além da estrutura da plataforma, outro sinal deve chamar a sua atenção: o prazo de entrega das compras. Se o tempo estimado for maior do que o previsto pelos Correios, pode ser sinal de golpe. “Hoje devemos ficar atentos a lojas que vendem um produto e que também prometem um prazo de entrega muito grande. Isso é sinal que a loja não tem o produto em estoque e que pode simplesmente fechar e sumir com o seu dinheiro”, informa a especialista.

Como evitar golpes online?

Os consumidores devem ficar atentos aos sites (Foto: Unsplash)

Para se manter seguro, a dica de Ivanice é procurar o site em plataformas como o Procon, Reclame Aqui, Idec ou Consumidor.gov.br. “Devemos também buscar saber como essa loja é avaliada pelo público em redes sociais. Leia os comentários de avaliações até o final e busque informações para poder decidir se aquele lojista é sério ou não”, afirma ela.

Em épocas de Black Friday, a atenção ainda deve duplicar. Além de sempre checar ao receber uma promoção que parece “boa demais”, a fundadora do Digital Mais Legal chama a atenção para três regras básicas. 1 – Não clicar em links que são enviados por SMS, Whatsapp ou e-mail. 2 – Faça as compras pelo site oficial da loja, aplicativo ou perfil do Instagram. 3 – Não acredite em ofertas ultra mirabolantes que não estejam nos canais oficiais das empresas.

O que fazer ao ser vítima de um dos ataques?

A Black Friday acontecerá no dia 27 (Foto: Unsplash)

Se as coisas já deram errado, não se desespere. Quase sempre, existe salvação. A primeira medida deve ser coletar o maior número possível de provas que confirmem a compra. “Faça prints de todas as conversar, imprima e-mail, telas de ofertas, comprovantes de pagamento ou até mesmo grave a conversa com o golpista”, explica Ivanice. O próximo passo é abrir um Boletim de Ocorrência através dos sites da Secretaria de Segurança pública do seu Estado.

E para ajudar futuros consumidores a não caírem na mesma cilada, realizar a denúncia no Procon também é importante. “Eles têm mecanismos de busca de solução de conflitos e trabalham em ações conjuntas com as polícias”, explica a advogada. E, para finalizar, saiba: resolver o problema sozinho não é uma opção. “Não tente fazer “justiça com as próprias mãos” como ameaçar o golpista ou fazer postagens agressivas. Atitudes assim acabam dando razão para o outro lado da história”, alerta Ivanice.

App Pais&Filhos

Tem novidade na área: o novo aplicativo Pais&Filhos Interativo! Agora você pode ler conteúdos exclusivos, feitos com muito carinho pela equipe da redação da Pais&Filhos com toda a credibilidade, comprometimento e bom humor de sempre, e ainda testar seus conhecimentos sobre os principais assuntos do universo da parentalidade.

Já que ninguém cria filho sozinho, a Pais&Filhos se enxerga como parte da sua rede de apoio e para isso, disponibilizamos no aplicativo informações de qualidade sobre todas as fases da vida da criança, seja você pai ou mãe, grávida, ou até mesmo se você ainda for tentante.

Além disso, a plataforma ainda oferece quizz de perguntas e respostas para você testar seus conhecimentos sobre os mais diversos assuntos deste universo. Ao fazer o teste, você acumula pontos, e de quebra pode trocar por prêmios.

O Pais&Filhos interativo está disponível para iOS e Android, basta acessar a PlayStore ou a Apple Store direto do seu celular, baixar e fazer seu cadastro.

-Publicidade-