Brasil assina acordo com a Nasa para enviar a primeira mulher à Lua

A viagem deve acontecer em 2024 e, além de enviá-la, o programa pretende também dar a oportunidade para uma pessoa negra pisar em solo lunar pela primeira vez

Resumo da Notícia

  • Brasil assina acordo com a Nasa para enviar a primeira mulher à Lua
  • O programa também vai enviar uma pessoa negra para a Lua pela primeira vez
  • A viagem deve acontecer em 2023
  • A agência espacial está muito animada com a possibilidade e já pensa no que ela acarretará para o futuro dos estudos astronômicos

Novidade na área! O Brasil vai ser o único país da América Latina a entrar na lista de parceiros do programa que voltará a enviar humanos à Lua. O acordo de cooperação com a Nasa foi assinado na última terça-feira, 15 de junho, no Palácio do Planalto, em Brasília. O acordo, conforme apontado pela CNN, prevê a participação do país no programa espacial Artemis.

-Publicidade-

O programa pretende levar a primeira mulher e a primeira pessoa negra à Lua em 2024. A equipe vai poder usar tecnologias inovadoras para explorar a superfície da Lua. De acordo com informações dadas pela Nasa, parceiros comerciais e internacionais vão colaborar com uma exploração sustentável pela primeira vez.

Brasil assina acordo com a Nasa para enviar a primeira mulher à Lua (Foto: Getty Images)

A agência espacial está muito animada com a possibilidade e já pensa no que ela acarretará para o futuro dos estudos astronômicos. De acordo com a Nasa, este será um primeiro passo para um salto ainda maior: enviar astronautas a Marte.