Família

Bruno Gissoni abre o coração sobre paternidade: “Passei a repensar tudo”

O ator é pai de Madalena, fruto do relacionamento com Yanna Lavigne

Ingrid Campiteli

Ingrid Campiteli ,filha de Sandra e Paulo

Yanna, Bruno e Madalena (Foto: Reprodução Instagram / @yannalavigne)

Bruno Gissoni, pai de Madalena, de dois anos, contou que foi criado em uma sociedade machista e conservadora, e quando a filha nasceu o ator afirma que renasceu. Em entrevista à QUEM, Bruno explicou os motivos de se posicionar mais nas redes sociais.

“Fui criado em uma sociedade conservadora, machista e cristã. Em um certo momento da minha vida, principalmente depois que a minha filha nasceu, entendi o meu lugar perante o mundo e a sociedade em que eu vivia. Depois do nascimento da minha família passei a repensar tudo para ser um modelo de vida melhor para a minha filha”, contou.

O pai de Madalena começou a se envolver mais com questões políticas, ambientais e femininas. Tem usado o perfil no Instagram para se posicionar e protestar.

“Queria entender os prós e contras da sociedade em que a gente vive. Se eu amo a minha filha a tal ponto de querer um futuro maior para ela, são essas as decisões que eu tenho que tomar e posturas, independente de causar ou não danos na profissão”, garante ele, que recebe críticas diante de alguns posicionamentos políticos. “Tem pessoas que não conseguem diferenciar. Se a gente quer o melhor, cada um tem que fazer a sua parte”.

Leia também:

Yanna Lavigne mostra Madalena dando oi para as flores no caminho da escola e encanta seguidores

Yanna Lavigne posta foto da família e se declara: “O amor engaja”

Yanna Lavigne grava a filha e alerta: “Cuidado com os vizinhos”