Cachorra que foi abandonada em floresta e perdeu 4 patas ganha prótese de titânio

Monika passou por uma cirurgia de 2 horas e finalmente conseguiu andar sob as próteses

Resumo da Notícia

  • Monika é uma cachorra que foi abandonada em uma floresta na Rússia
  • A cachorra teve ferimentos severos e perdeu as 4 patas
  • Graças a uma vaquinha online Monika consegue andar com as próteses de titânio

A cadela Monika foi abandonada em uma floresta na Rússia, no final do ano passado, ela perdeu as 4 patas e teve ferimentos severos. A cachorra foi resgatada por uma equipe de trabalhadores de uma vila perto da floresta. Desesperados e sem saber o que fazer, eles a levaram até uma ONG de animais.

-Publicidade-

Os voluntários cuidaram dela, amputaram os membros feridos e ela precisou até de transfusão de sangue. Quando foi levada a um veterinário, ele não titubeou: recomendou que a cadela fosse sacrificada por conta de seu estado grave. Porém duas voluntárias se recusaram a sacrificar Monika.

Monika conseguiu as próteses graças à vaquinha online
Monika conseguiu as próteses graças à vaquinha online (Foto: Reprodução/Rostislav NETISOV/AFP/G1)

Foi então que encontraram um médico veterinário com experiência em implantação de próteses de titânio, Sergei Gorshkov. Desde 2005, ele já operou 37 animais, mas nunca um cãozinho. As quatro próteses custam mais de US$ 5,4 mil (mais de R$ 30 mil). A única solução foi recorrer a doações e vaquinhas online.

Graças ao sucesso de uma vaquinha online que fizeram, Monika ganhou as 4 próteses feitas por uma impressora 3D perto de Moscou. Depois, passaram por alguns processos essenciais para o funcionamento delas, feitos na Universidade Politécnica de Tomsk. Só então elas chegaram à clínica em que a cadela foi operada. Em duas semanas de cirurgia, Monika já consegue ficar em pé e andar com as quatro patinhas de titânio.