Caixa de correio em rua da Itália ajuda pessoas a escreverem bilhetes de carinho para familiares

Criada por duas artistas e localizada em Salento, “A casa dos sonhos” funciona como uma caixa de correio para que as pessoas que passam na rua possam depositar cartas, mensagens e bilhetes para entes queridos que já partiram desta vida.

Resumo da Notícia

  • Uma obra de arte na Itália permite que pessoas mandem cartas para familiares que já se foram
  • Criada por uma dupla de artistas, a obra é chamada de "A casa dos sonhos"
  • A ideia é que qualquer pessoa que passe pela caixa possa deixar uma mensagem para quem não está mais compartilhando a vida com ela

Escrever é um método muito usado para colocar sentimentos, sensações e saudades para fora. E, quando falamos da falta que sentimos de pessoas queridas e familiares que já se foram, é uma maneira ótima de exprimir o carinho que sentíamos por elas.

-Publicidade-

Esse é o propósito da obra de arte italiana chamada “A casa dos sonhos“. Criada pelas artistas Stefania Semeraro e Eleonora Loche e localizada em Salento, a obra funciona como uma caixa de correio localizada em frente a um teatro (que também pertence à Stefania e Eleonora) para que as pessoas que passam na rua possam depositar cartas, mensagens e bilhetes para entes queridos que já partiram desta vida.

A ideia é que você possa compartilhar seus sonhos, saudades e qualquer sentimento que tenha vontade através de palavras com as pessoas que já não compartilham a vida com você, mas que nunca deixaram seu coração. Junto da caixa de correio, existe uma frase escrita: “A forma não importa, o que conta é o seu sonho”.

A obra de arte é uma caixa de correio pensada para que pessoas deixem mensagens para parentes que já se foram (Foto: Reprodução Facebook / TELA Artisti In Comune)

Logo nos primeiros dias de exposição, a caixa recebeu cartas que falavam sobre amores impossíveis, poemas, canções de ninar e até mesmo um bilhete de loteria. Com a pandemia da Covid-19 e o teatro fechado, a ideia das artistas é que a obra permaneça ao ar livre para que novas pessoas continuem encontrado a caixa de correio e enviando seus pensamentos por escrito para pessoas queridas.