Cantora Ludmila Ferber morre aos 56 anos

A Sony Music Gospel, gravadora da artista, prestou homenagens

Resumo da Notícia

  • A cantora gospel e pastora Ludmila Ferber morreu aos 56 anos;
  • Ela fazia tratamento contra um câncer de pulmão desde 2018;
  • A informação foi confirmada pela gravadora Sony Music Gospel, gravadora da artista

Na última quarta-feira, 26 de janeiro, a cantora gospel e pastora Ludmila Ferber morreu aos 56 anos, em decorrência de um câncer de pulmão. A informação foi confirmada pela gravadora Sony Music Gospel, de onde ela era contratada.

-Publicidade-

Foi através do Instagram que a gravadora prestou homenagens. Na publicação, a página escreveu: “Infelizmente a nossa guerreira pastora Ludmila Ferber nos deixou, mas aqui ficam o seu legado, suas canções, seu exemplo, sua tenacidade, seu propósito, sua luta, sua fé, sua arte, sua poesia e sua história! Nossos sentimentos aos familiares. Que Deus console a todos que de alguma forma conviveram com nossa querida pastora! Agora já pode parar de lutar. Descanse em paz!”.

 

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, lamentou a morte de Ludmila nas redes sociais
O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, lamentou a morte de Ludmila nas redes sociais (Foto: Reprodução/Instagram @pastoraludmilaferber)

Na página oficial da artista, relembraram que Ludmila teve uma vida cheia de alegria ao lado da filhas e honraram sua força em lutar contra o câncer. “Mesmo nessa hora de luto, havemos de celebrar a VIDA dela. Uma vida honrada, com propósito e uma força que vinha diretamente do céu. Uma guerreira que combateu o bom combate até o fim”, relatou.

Ludmila Ferber chegou a ingressar na faculdade de pedagogia da UFRJ, mas a paixão pela música falou mais alto. No cenário musical, a mulher foi um nome nacionalmente conhecido no mercado gospel como artista solo.

Entre seus maiores sucessos estão “Sonhos de Deus”, “Sopra Espírito”, “Ouço Deus me chamar” e “Nunca pare de lutar”. Durante o tratamento do câncer, Ludmila lançou o primeiro álbum em cinco anos, “Um novo começo”.