Casal brasileiro e bebê são agredidos por oito homens em Portugal

Segundo o jornal Correio da Manhã, os agressores teriam disparados falas racistas e xenofóbicas como “voltem para a sua terra e isto aqui não é o país de vocês”

Resumo da Notícia

  • Um casal de brasileiros e um bebê foram agredidos por oito homens na região metropolitana de Portugal
  • Eles também sofreram ofensas racistas e xenófobas
  • O caso aconteceu no último sábado em um estacionamento

Um casal de brasileiros e um bebê foram agredidos por oito homens na região metropolitana de Portugal. Eles também sofreram ofensas racistas e xenófobas. É o que garante a imprensa portuguesa, que revelou o caso no fim de semana. O caso aconteceu no último sábado em um estacionamento.

-Publicidade-

Segundo o jornal Correio da Manhã, os agressores fugiram, mas os episódios teriam ficado registrados em fotografias tiradas pelo próprio brasileiro, de 30 anos. A mulher tem 24. O primeiro agressor estacionou ao lado do carro dos brasileiros e disse expressões como “voltem para a sua terra e isto aqui não é o país de vocês”, de acordo com o Correio. Depois, outros sete homens chegaram em dois carros.

O casal estava com um bebê quando foram agredidos em Portugal
O casal estava com um bebê quando foram agredidos em Portugal (Foto: Getty Images)

A mulher teria sido derrubada com o filho no colo, que nada sofreu porque uma amiga conseguiu segurá-lo. Segundo o Jornal de Notícias, seria tia do bebê. A mesma publicação informou que a disputa por uma vaga está na origem das agressões e que a Polícia de Segurança Pública (PSP) teria as placas dos veículos e os relatos de testemunhas. Já o Correio destacou que a PSP tem as fotos e tenta identificar os agressores.

Eles foram levados ao Hospital Beatriz Ângelo pelos Bombeiros. A brasileira ficou com hematomas no pescoço por ter sido estrangulada. O brasileiro fraturou o nariz e luxou a clavícula, de acordo com o Correio. Em resposta ao Portugal Giro, a PSP confirmou as agressões e insultos:

“Os policiais deslocaram-se ao local. Segundo testemunho das vítimas, após estacionarem a sua viatura, foram surpreendidos por cerca de oito indivíduos, que os insultaram e agrediram. Das agressões resultaram vários ferimentos no homem e na mulher, pelo que foram ambos assistidos no Hospital Beatriz Ângelo, em Loures. O casal encontrava-se acompanhado de um menor, que não sofreu ferimentos. A mulher já apresentou denúncia sobre a situação e o processo segue agora os seus trâmites legais, encontrando-se a PSP a investigar os fatos”.