Caso Madeleine McCann: polícia indicia suspeito após 15 anos do desaparecimento

Madeleine McCann foi dada como desaparecida há 15 anos em Portugal, enquanto fazia uma viagem com a família

Resumo da Notícia

  • Madeleine McCann foi dada como desaparecida há 15 anos em Portugal, enquanto fazia uma viagem com a família
  • Ela e a família são do Reino Unido
  • O caso se tornou um grande mistério
  • Hoje, depois de 15 anos, a polícia portuguesa indiciou um suspeito do crime

Você se lembra desse caso? A a menina britânica Madeleine McCann foi dada como desparecida enquanto estava em Portugal com a família passando férias. 15 anos depois do caso, as autoridades portuguesas indiciaram, pela primeira vez, uma pessoa suspeita pelo desaparecimento da garota nesta quinta-feira, 21 de abril.

-Publicidade-

O nome do suspeito não foi divulgado até o momento e ele foi encontrado com o trabalho das autoridades portuguesas em conjunto com os promotores na cidade de Faro, que trabalham em cooperação com autoridades alemãs. Em 2020, a polícia alemã contou que estava investigando um homem, conhecido como Christian B, em conexão com o caso. Ele não foi indiciado e nega qualquer envolvimento no desaparecimento dela.

Caso Madeleine McCann: polícia indicia suspeito após 15 anos do desaparecimento
Caso Madeleine McCann: polícia indicia suspeito após 15 anos do desaparecimento (Foto: reprodução / The Sun)

Relembre o caso

Madeleine McCann desapareceu durante as férias com a família em Portugal. Na época, em 2007, a menina tinha 3 anos. Até hoje ela nunca foi encontrada e o caso ainda não foi completamente solucionado. Os  investigadores acreditam que ela foi sequestrada do apartamento de férias onde a família estava hospedada em um resort no Algarve.

No próximo dia 3 de maio o desaparecimento de Madeleine completa 15 anos, segundo a contagem oficial. Pela lei portuguesa já não seria possível declarar alguém como suspeita depois desta data, o que é necessário para qualquer acusação.