Chefe de segurança salva bebê que sofreu 3 engasgos seguidos

O homem trabalhou como bombeiro e, após o resgate, afirmou que chorou de tanta emoção

Resumo da Notícia

  • Álvaro Guilherme dos Santos salvou um bebê de 5 meses
  • A criança engasgou 3 vezes
  • A família procurou ajuda para salvar o filho

No dia 29 de outubro, a família de um bebê de 5 meses passou por um sufoco após a criança engasgar. Entretanto, graças a ação rápida de um chefe de segurança, o menino foi salvo do susto.

-Publicidade-

Álvaro Guilherme dos Santos, de 58 anos de idade, precisou desengasgar o bebê por três vezes antes de salvá-lo. O homem, que também trabalhou como bombeiro civil, lembrou do episódio desesperador em que a família parou para pedir informações sobre onde ficava o hospital mais próximo.

O bombeiro salvou a criança
O bombeiro salvou a criança (Foto: Reprodução G1)

“Pararam para pedir informação, e nisso perguntei para a mãe do bebê o que tinha acontecido. Fiz os procedimentos, e nisso ele voltou ao normal”, disse Álvaro durante entrevista ao g1.

O chefe de segurança contou ainda sobre como foi a experiência: “Peguei o bebê e comecei a fazer as manobras, estava engasgando com catarro, estava roxinho, ficando cianótico. Eu estava passando pela portaria quando vi um carro com o pisca ligado.”

“Consegui fazer a retirada do catarro, mas ele teve uma outra situação mais grave, e do jeito que eu estava no carro, não tinha muita firmeza para fazer, mas mesmo assim cheguei com ele na porta, fiz a manobra de novo e desengasguei ele pela terceira vez”.

Ainda de acordo com ele,  a distância do local do resgate até o hospital foi cerca de 30 km. Apesar do susto, a criança passa bem.

“Na hora, fiz tudo que tinha que fazer tranquilamente, mas depois do que aconteceu, sentei em um banco que tem aqui e chorei. Eu só agradeci a Deus por ter me usado, me colocado naquela hora ali para salvar a criança. Deus é maravilhoso”, concluiu  herói.