Chrissy Teigen defende Meghan Markle após críticas: “Não vão parar até ela ter um aborto espontâneo”

Pelas redes sociais, Chrissy Teigen, esposa de John Legend, pediu que a mídia pare de atacar Meghan Markle após sua saída da Família Real Britânica

Resumo da Notícia

  • Chrissy Teigen defendeu Meghan Markle pelas críticas que tem sofrido
  • A modelo pediu nas redes sociais que a mídia pare de atacar a duquesa
  • Meghan Markle está esperando o segundo filho, fruto do casamento com o príncipe Harry

Chrissy Teigen, esposa de John Legend, saiu em defesa de Meghan Markle sobre a entrevista com Oprah Winfrey, que será divulgada no próximo domingo, 7 de março. No programa, a duquesa e o príncipe Harry irão falar sobre o motivo de terem se afastado da família real.

-Publicidade-
Chrissy Taigen, esposa de John Legend, defendeu Meghan Markle sobre histórias negativas de tablóides ingleses (Foto: Getty Images)

Mesmo antes da entrevista ir ao ar, diversos tabloides ingleses disseram que Meghan seria uma “agressora” aos funcionários do palácio de Buckingham. Seguem à Quem, o casal deu a entender que a família real está cultivando as histórias negativas sobre ela na mídia.

Pelo Twitter, Chrissy falou sobre o assunto e pediu a mídia do Reino Unido que deixe Meghan “em paz”. A duquesa e o príncipe Harry estão esperando pelo segundo filho. “Essas pessoas não vão parar até que ela tenha um aborto espontâneo. Pare com isso”, escreveu na rede social.

-Publicidade-
Meghan Markle está grávida pela segunda vez. Em 2020, ela sofreu um aborto espontâneo (Foto: reprodução/Instagram @theroyalfamily)

Meghan Markle e o príncipe Harry anunciaram que estão esperando pelo segundo filho em fevereiro. No ano passado, a duquesa escreveu um artigo ao New York Times contando sobre um aborto espontâneo que sofreu em julho. Em outubro, Chrissy e John Legend também perderam o terceiro filho, que se chamaria Jack, logo após o parto que aconteceu na 20ª semana de gestação.