Coronavírus: Brasil deve fechar fronteiras com países vizinhos para evitar entrada de pessoas infectadas

Medida foi anunciada em coletiva de imprensa pelo ministro Sergio Moro

Resumo da Notícia

  • O ministro Sergio Moro afirmou que pode adotar restrições com os países que fazem fronteira com o Brasil
  • Medida busca conter a pandemia do novo coronavírus (Covid-19)
  • Governo já havia anunciado o fechamento parcial da fronteira com a Venezuela
  • De acordo com as secretarias estaduais de saúde, já foram registrados 399 casos confirmados de novo coronavírus no Brasil
Coronavírus: Sergio Moro anuncia possível fechamento de fronteiras com outros países (Foto: Unsplash)

Nesta quarta-feira (18), o ministro Sergio Moro afirmou que pode adotar restrições com os países que fazem fronteira com o Brasil devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). No dia anterior, o governo já havia anunciado o fechamento parcial da fronteira com a Venezuela – no anúncio feito hoje, Moro não especificou quais países teriam bloqueios.

-Publicidade-

“O que está em avaliação no governo é a possibilidade do fechamento temporário por medidas sanitárias da fronteira com outros países, a semelhança da Venezuela”, disse Moro, durante entrevista coletiva no Palácio do Planalto, acompanhado do presidente Jair Bolsonaro. O governo afirma que tomou a decisão de proibir a entrada de pessoas provenientes da Venezuela pois o país vizinho estaria em situação de colapso do seu sistema de saúde, o que aumentaria o risco da entrada no Brasil de pessoas infectadas com Covid-19.

De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, nesta quarta-feira Bolsonaro participou de uma videoconferência com outros líderes do Mercosul para discutir a situação das fronteiras em tempos de pandemia. Participaram da reunião virtual os presidentes Mario Abdo Benítez (Paraguai) e Luis Lacalle Pou (Uruguai), além do chanceler argentino Felipe Solá. As autoridades dos quatro países abordaram a necessidade de cooperação das cidades de fronteira, que em muitos casos não têm demarcações claras ou controles na separação entre um país ou outro.

As secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até as 18h10 desta quarta-feira (18), 399 casos confirmados de novo coronavírus no Brasil em 20 estados e no Distrito Federal. Em São Paulo. Também já foram registradas três mortes causadas pela doença, todas em São Paulo. O último balanço do Ministério da Saúde, divulgado na tarde de terça-feira, contabiliza 291 infectados.

Já no mundo os números de casos e de mortes por Covid-19 fora do território chinês já ultrapassaram os registrados na própria China, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). Já segundo monitoramento da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, foram registradas, em todo o mundo, 7.955 mortes pela doença. Dessas, cerca de 3.200 ocorreram na China.