Itália já tem mais de 17.600 casos de coronavírus e maior taxa de letalidade do mundo

Segundo dados divulgados ontem pelo governo italiano, a taxa de letalidade é mais alta entre a população idosa, com mais de 70 anos de idade

(Foto: Getty Images)

O número de casos confirmados na Itália cresceu 2.547 entre o início da tarde de ontem (13) e hoje (14), segundos dados do governo e da OMS (Organização Mundial de Saúde). 

-Publicidade-

Com os novos números, a Itália chegou 17.660 casos. O registro de mortes é de 1.266, o que deixa o país com uma taxa de letalidade de 7,2% — o índice mais alto entre países com maior número de casos. Para comparação, na China, a taxa de letalidade é de 3,9%.

Segundo dados divulgados ontem pelo governo italiano, a taxa de letalidade é mais alta entre a população idosa, com mais de 70 anos de idade. 

-Publicidade-
  • 60 e 69 anos de idade, com 2,7% de taxa de letalidade.
  • 70 a 79 anos: 10,8% dos casos resultam em morte 
  • 80 a 89 anos: 17,5% dos casos resultam em morte 
  • Mais de 90 anos: 21,1% dos casos resultam em morte 

Nas outras faixas, entre 60 e 69 anos de idade, a taxa de letalidade é de 2,7%. De 30 a 59 anos, ela varia entre 0,2% e 0,8%. Não há registros de mortes na Itália em pessoas com até 29 anos de idade.

-Publicidade-