Covid-19: São Paulo antecipa vacinação de profissionais da educação básica a partir de 18 anos para este sábado

O anúncio foi feito pelo governador João Dória nesta quarta-feira, 9 de junho. A vacinação deste grupo estava prevista para os dias 21 a 31 de julho

Resumo da Notícia

  • Foi antecipada a vacinação de profissionais da educação básica a partir de 18 anos
  • O calendário anterior previa a vacinação desse grupo entre os dias 21 e 31 de julho - e agora ocorrerá na próxima sexta-feira, 11 de junho
  • A iniciativa foi anunciada pelo governador João Dória nesta quarta, 9 de junho
  • Veja como se cadastrar!

O governador João Dória anunciou nesta quarta-feira, 9 de junho, a antecipação da vacinação de profissionais da rede básica de educação a partir de 18 anos contra a covid-19. A declaração foi feita durante o evento Mega Escola, no Memorial da América Latina, que contava com a presença da Secretaria Estadual da Educação.

-Publicidade-

“Nós vamos antecipar a vacinação para 363 mil profissionais da educação básica de 18 a 44 anos para esta sexta-feira, 11 de junho”, confirmou João Dória. A medida é uma tentativa de garantir um retorno às aulas presenciais mais seguro: “Teremos 100% dos profissionais da educação básica imunizados em São Paulo”.

A medida é uma forma de assegurar o retorno das aukas presenciais de forma segura (Foto: Getty Images)

O calendário de vacinação inicialmente previa a vacinação deste grupo para o intervalo entre os dias 21 e 31 de julho. Nesta quarta-feira, profissionais da educação acima de 45 anos também começaram a se vacinar.

Como me cadastrar?

Os profissionais da área de 18 até 44 anos que forem se vacinar devem, primeiro, se cadastrar no site VacinaJá Educação. No cadastro, deverão fornecer dados básicos: nome completo, CPF e e-mail. A partir disso, receberão nesse mesmo e-mail um link para a validação do cadastro.

Após inserir o nome da escola, rede de ensino, município, cargo ocupado e anexo do último holerite, o cadastro passa por uma análise. Depois de pronta, o profissional recebe no e-mail uma comprovação da inscrição no portal – e um Qr Code para verificação de autenticidade. Na hora da vacina, é ainda imprescindível que o profissional apresente essa mesma comprovação, acompanhada do RG ou CPF.

É necessário fazer o cadastro no site VacinaJá Educação (Foto: Getty Images)

Profissionais de educação básica a partir de 47 anos começaram a ser vacinados contra a covid-19 dia 9 de abril – e, desde então, o estado de São Paulo já imunizou mais de 350 mil pessoas. A medida tem como público-alvo não só professores, mas também trabalhadores de outras áreas da educação e órgãos administrativos.

A antecipação do calendário de vacinação não impede que pessoas já vacinadas com a primeira dose – independente de quais grupos prioritário façam parte – tomem a segunda dose. O governo de São Paulo organizou no último sábado, dia 5 de junho, um mutirão para a vacinação de quem precisa da última dose – e planeja novo mutirão.