Criança de 8 anos viraliza na internet com vídeo ensinando o avô a se comunicar em Libras

Maria Eduarda Campos, de 8 anos, fez vídeo didático e divertido, para ensinar o avô falar em Libras, após ele dizer que a língua é muito difícil

Resumo da Notícia

  • Menina de 8 anos viraliza na internet após fazer vídeo ensinando o avô a falar em Libras
  • Duda conquistou milhares de pessoas com o jeito simpático e didático de ensinar
  • A criança se espelhou no exemplo da mãe que também ajuda diversas pessoas com deficiência auditiva

Aos 8 anos, Maria Eduarda Campos, grava vídeos dando aulas de Libras (Língua Brasileira de Sinais) para o avô Lourival de Souza Cunha, de 79 anos. Duda, como é chamada pelos familiares, mora em Feira de Santana, Bahia, e conquistou muitas pessoas com o jeito carismático e pela forma didática de ensinar.

-Publicidade-
Maria Eduarda faz vídeo ensinando avô a falar em Libras
Maria Eduarda faz vídeo ensinando avô a falar em Libras (Foto: Reprodução / Instagram / @sonoticiaboa)

 

Ela inicia o vídeo dizendo: “Oi, vovô! Hoje vou ensinar os sinais básicos de Libras!”. Ela demonstra como falar “bom dia”, “oi”, “com licença”, “obrigada”, “de nada” e “desculpa”. Ela também ensinou como expressar quando está triste. Duda também mostra como demonstrar quando está triste, e finaliza demonstrando animação e dizendo como é divertido aprender a língua. “Beijo, vovô, tchau! Foi muito legal aprender Libras!”, encerrou.

O vídeo foi compartilhado pelo porta Só Notícia Boa e viralizou na internet, gerando inúmeros elogios à professora mirim! A publicação já alcançou mais de 45 mil visualizações e diversos comentários: “Ai que linda! Assim com esse carisma fica fácil as para aprender!”, comentou uma internauta. “Não tem idade para empatia! Que linda”, outra pessoa escreveu.

“Não quero que seja uma coisa forçada, eu quero que seja uma vontade dela. Então, no momento dela ela está aprendendo e sempre me surpreende. Quando eu olho, olha ela fazendo um novo sinal, olha ela ensinando. Isso é  bem gratificante porque ela, desde pequena, já está aprendendo que, apesar de sermos diferentes, somos iguais, né?”, relatou a mãe, advogada Daniela Moreno, ao Midiamax. Ela também afirma que sente muito orgulho da filha e que a incentiva o aprendizado da filha.

O amor pela língua foi cultivado pelo exemplo da mãe, que começou o curso em 2018, na igreja em que elas frequentam na cidade. Hoje ela ajuda na interação entre pessoas com deficiência auditiva que participam dos cultos. Por curiosidade, Duda acompanhou algumas aulas e começou a acompanhar a mãe para aprender.

“Quando ela começou a aprender Libras, uma coisa interessante, é que às vezes ela queria falar enquanto estava almoçando. Só que de boca cheia não podia, então fazia alguns sinais pra poder se comunicar pela ansiedade de querer falar logo”, recordou a mãe.

Ela também fala sobre a importância do conhecimento da língua, já que nem sempre é acessível para as pessoas que portam a condição. “Muitos surdos, às vezes não conseguem um intérprete pra uma consulta médica, por exemplo. Tem surdos que a família não sabe Libras eles não conseguem se comunicar além do básico. Mas seus sonhos, seus projetos, eles não conseguem expressar pra família e isso me chocou muito e aí eu percebi que eu podia ser útil”. Daniela também finaliza dizendo que se sente muito feliz em ter sido um exemplo pra a filha, que ainda irá ajudar muitas pessoas com essa habilidade.