Criança de 9 anos sofre parada cardíaca e morre após se engasgar com balão de festa

O garoto de apenas 9 anos faleceu após se engasgar com uma “bexiga”, enquanto esperava pelos pais em um centro de reabilitação para autismo

Resumo da Notícia

  • Uma criança morreu após se engasgar com uma bexiga de festa
  • A criança de 9 anos estava acompanhada por um  profissional da Clínica, enquanto esperava o retorno dos pais
  • A Clínica lamentou o acontecido e se mostrou à disposição de toda a família do garoto

Na última segunda-feira, 7 de março, um garoto de apenas 9 anos, que estava localizado no centro de reabilitação para autistas, o “Sentidos Clínica” – se engasgou com um balão de festa, popularmente conhecido como “bexiga”. O menino estava acompanhado de um profissional da Clínica no momento do engasgo. Prontamente, a equipe do centro de reabilitação realizou a hospitalização do garoto, bem como preparos de socorro. E, após a chegada do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), o menino foi levado ao Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. Durante a manhã deste quarta-feira (9), o Hospital confirmou a morte da criança.

-Publicidade-

De acordo com o pronunciamento da equipe médica, o menino de 9 anos teve três paradas cardíacas. Duas delas enquanto se deslocava no veículo do SAMU. Já no Hospital, a criança permaneceu em estado grave durante todo o tempo que permaneceu internado na ala de emergência e trauma, da unidade de saúde.

Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa (Foto: Reprodução)
Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa (Foto: Reprodução)

Em comunicado aos veículos de imprensa, o “Sentidos Clínica” discorreu sobre a fatalidade. Em paralelo da narração do que, de fato, aconteceu no momento antecedente ao engasgo. “A criança é nosso paciente há mais de 2 anos, fazendo suas terapias com regularidade e, desde sempre foi tratado por todos os profissionais da clínica com muita atenção e carinho […] Nosso paciente compareceu à Clínica para seus procedimentos de rotina, já que a criança tem Transtorno do Espectro do Autismo. Finalizado o último procedimento, e enquanto esperava ser buscado pelos pais na salinha de espera, devidamente acompanhado por um integrante da equipe, acabou por broncoaspirar uma bexiga, que tomou da mão do referido profissional de forma arrebatadora”, declarou a assessoria de imprensa da Clínica.

Ainda em complemento, a Clínica disse ter feito todo o procedimento de urgência para que a vida da criança fosse salva. “Fizemos tudo o que estava ao nosso alcance naquele momento para evitar complicações à criança”.

Segundo a nota de esclarecimento, a equipe do centro reabilitação de autismo, lamenta a tragédia acontecida com a criança. E, em ato de solidariedade, coloca-se à disposição perante a família do garoto falecido.  “Que Deus dê força à família, para que possa suportar essa tempestade.