Crianças têm duas vezes menos chance de pegar coronavírus do que adultos

A afirmação é resultado de um estudo feito na Escola de Higiene e Medicina de Londres que analisou os dados de seis países diferentes

Resumo da Notícia

  • Estudo mostra que o risco de crianças contraírem coronavírus é metade que o dos adultos
  • A pesquisa reuniu dados de 6 países
  • Com o resultado, os pesquisadores questionam as medidas de fechamento das escolas
  • Apesar disso, a pesquisa ainda não evidencia o potencial de transmissão entre as crianças e os mais velhos
Estudo aponta que risco de crianças contraírem coronavírus é metade que o de adultos (Foto: Getty Images)

Um novo estudo da Escola de Higiene e Medicina de Londres publicado pela revista Nature, chegou a conclusão que o risco das crianças contraírem o novo coronavírus é metade que o de adultos. Os pesquisadores apontaram, também, que os sintomas clínicos da covid-19 se manifestam em apenas 21% dos jovens de 10 a 19 anos, um número baixo em comparação aos 69% daqueles com mais de 70 anos.

-Publicidade-

Para obter os resultados, os autores do estudo analisaram dados de 6 países – Canadá, China, Coreia do Sul, Japão, Itália e Singapura), que ofereceram informações completas a respeito do número de infectados e da gravidade dos sintomas de acordo com as idades.

Com a descoberta, os pesquisadores questionaram a respeito da efetividade do fechamento das escolas para contenção do novo coronavírus. “Intervenções direcionadas às crianças podem ter um impacto relativamente pequeno na redução da transmissão do Sars-Cov-2“, apontaram os estudiosos.

-Publicidade-

Vale ressaltar, no entanto, que, apesar das descobertas, o estudo não evidencia qual é o potencial de transmissão entre as crianças e os cuidadores mais velhos e nem oferece uma hipótese para a menor probabilidade dos jovens de contraírem a doença.