“Cuida dos meus aí, não vou sair dessa”, diz brasileiro detido na Tailândia por tráfico de drogas

Jordi Vilsinski Beffa avisou aos amigos por mensagem de áudio que havia sido preso, e na mensagem dizia ‘cuida ai dos meus’

Resumo da Notícia

  • Jordi Vilsinski Beffa foi detido no aeroporto da Tailândia por tráfico de drogas
  • O jovem de 23 anos foi preso com mais 2 brasileiros
  • Jordi pediu aos amigos para que cuidassem da família dele

Jordi Vilsinski Beffa, 23, foi detido no aeroporto da Tailândia por tráfico de drogas, na última quarta-feira. O paranaense pediu em mensagens trocadas por amigos em áudio e texto, para que eles cuidassem da família dele, caso não consiga ‘voltar’. “Qualquer coisa, cuida dos meus aí. Tá Bom. Obrigado irmão. Abraço. Não vou sair dessa”.

-Publicidade-

Segundo as autoridades tailandesas, Jordi levava 6,5 quilos de cocaína escondidos em duas malas. Além dele, os outros dois brasileiros presos na mesma data são a jovem Mary Hellen Coelho Silva, de 21 anos, moradora de Pouso Alegre (MG) e um homem, de 27 anos, que não teve o nome e nem a cidade de origem divulgados.

Jordi pediu aos amigos que cuidassem da família dele após a prisão
Jordi pediu aos amigos que cuidassem da família dele após a prisão (Foto: Reprodução/G1)

Segundo o advogado, os pais dele, a mãe de 64 anos e o pai de 65 anos, não sabiam da viagem internacional, já que o jovem saiu de casa no dia 11, dizendo que viajaria para Balneário Camboriú, em Santa Catarina. “Ele pediu perdão aos pais, pediu orações porque é uma família muito religiosa. Pediu para que os pais rezassem por ele e fizessem aquilo que fosse possível, além de pedir perdão aos pais”, contou Petrônio Cardoso, ao portal do G1.

‘Cuida da minha mãe’, escreveu Jordi a amigo Ainda de acordo com o advogado, a família soube da prisão por áudios e mensagens de texto que Jordi Beffa trocou com amigos. Em uma das conversas, o brasileiro pediu que o amigo cuidasse da mãe dele e comentou não saber se vai conseguir voltar.