Desespero! Criança de 5 anos fica presa entre paredes e avó comenta: “Não consegui ficar para ver”

O caso aconteceu em Salvador, no Bairro da Paz, e o menino sofreu apenas escoriações leves

Resumo da Notícia

  • O caso aconteceu na manhã dessa sexta-feira, dia 5 de agosto
  • O garoto estava na casa da bisavó quando tentou utilizar espaço estreito para sair
  • Os vizinhos que foram responsáveis por avisar sobre o caso

Nessa sexta-feira do dia 5 de agosto, uma criança de apenas cinco anos ficou presa entre duas paredes de casas distintas. O menino tentava passar em um vão que fica entre os imóveis, no Bairro da Paz, em Salvador. Ele estava na casa da bisavó, porém, quando não a encontrou, tentou sair pelo espaço estreito que tinha entre as construções.

-Publicidade-
A bisavó da criança deu entrevista falando que não conseguiu acompanhar o resgate de tão nervosa
A bisavó da criança deu entrevista falando que não conseguiu acompanhar o resgate de tão nervosa (Foto: Reprodução/G1)

Selma Pinto, bisavó da criança, afirmou que não soube do incidente no momento em que estava acontecendo. Ela foi informada pelos vizinhos, que escutaram a criança chorando. Na hora do resgate, a bisavó conta que não conseguiu assistir a situação devido ao desespero do menino, que gritava enquanto os moradores do bairro tentavam retirá-lo do espaço, com o auxílio de uma marreta.

Em entrevista ao G1, ela comenta o caso: “Ele acordou e não me viu em casa. Tentou passar pelo beco para ir para a rua e ficou preso entre a minha parede a do vizinho. Ele gritou e os vizinhos ouviram. Não consegui nem ficar para ver eles tirarem. Fiquei apavorada”.

Um dos vizinhos fala sobre como descobriu que a criança estava presa: “Desci para comprar pão e minha esposa se incomodou [com o choro da criança]. Ela foi ver o que era e se deparou com a cena dele preso entre as duas paredes. Ela chamou meu filho mais velho, arrombou o cadeado e quebrou a parede”.

O homem afirma que ele e os outros vizinhos planejaram o resgate para que o menino se sentisse seguro: “Ele estava em uma posição desconfortável, pendurado pela cabeça. O pescoço estava bem esticado e a gente se preocupou com isso. Cortamos embaixo para ele ter uma posição melhor e a gente estourar o outro lado da parede”

Apesar de todo o desespero, para a criança, os vizinhos e a família, o menino de cinco anos teve apenas escoriações leves e já foi levado a Unidade Básica de Saúde (UBS), onde está em observação no momento.

Vote na Pais&Filhos para o Troféu Mulher Imprensa!

Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos, está concorrendo ao prêmio da categoria Pertencimento e Inovação da 16ª edição do Troféu Mulher Imprensa! Para votar, é muito simples: CLIQUE AQUI e aperte o botão ao lado da foto da Andressa para que ele fique azul. Em seguida, preencha o campo com seus dados e vá até seu email: será preciso confirmar o seu voto clicando em um link. Depois disso, sucesso! Seu voto já foi contabilizado. Obrigada!

Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos está concorrendo ao Troféu Mulher Imprensa
Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos está concorrendo ao Troféu Mulher Imprensa (Foto: Divulgação/Pais&Filhos)

Assista ao POD&tudo com as gêmeas Bia e Branca Feres