Dia dos animais: 5 coisas que você (provavelmente!) não sabe sobre o seu melhor amigo

Para aproveitar a data do melhor jeito, afinal, os pets também fazem parte da nossa família, nós te contamos algumas curiosidades que vão te deixar de boca aberta!

Resumo da Notícia

  • Em 4 de outubro é comemorado o Dia dos animais
  • Descubra 5 curiosidades sobre o seu pet
  • Os animais também são parte da nossa família e têm uma data só deles!

Você sabia que neste domingo, 4 de outubro, é comemorado o Dia dos Animais? Nada mais justo, afinal, eles também fazem parte da família! Para curtir a data junto com o seu melhor amigo, te contamos cinco curiosidades que você provavelmente não sabe sobre o pets, olha só!

-Publicidade-
Na quarentena, a taxa de adoção aumentou em 50%! (Foto: Getty Images)

Os cachorros são animais de estimação há mais de 10 mil anos

De acordo com a World Veterinary Association, já em 2015 existiam cerca de pelo menos 525 milhões de cães no mundo! A partir de estudos feitos na década de 1950, os pets já eram considerados animais de estimação há mais de 10 mil anos, e tem traços genéticos dos antecessores, os lobos.

Os gatos também podem ser destros ou canhotos

Apesar de parecer coisa de gente, os gatos também podem ter preferência por um dos lados. Você pode notar isso quando eles descem escadas ou pisam em algum objeto quando tentam alcançar a comida. Um estudo recente explica ainda que os machos tendem a ser canhotos, enquanto as fêmeas destras.

-Publicidade-

Os ratos sentem cócegas!

De cordo com um estudo feito pelo cientista Jaak Panskepp, os ratos são capazes de sentir cócegas e até dar risadas. Isso acontece como forma de emitir um som para “conversar” com outros animais da mesma espécie. Que diferente!

Animais são muito importantes para o crescimento dos seus filhos (iStock)

Os coelhos tem visão 360º

Sim, é verdade! Para ter um campo visual completo e suprir a deficiência do ponto cego, que fica bem na frente do rosto, os coelhos podem ter uma visão de quase 360º. Como alternativa, eles usam os pelos no nariz para detectar qualquer coisa!

Os peixes podem esconder os filhotes na boca

Para proteger os alevinos dos predadores, algumas espécies de peixes podem esconder os filhotes na boca quando se sentem perigo. Assim que percebe a segurança de volta, a mãe solta os peixinhos e eles voltam a nadar normalmente. Mãe coruja, ops, peixe!

-Publicidade-