Elza Soares morre no mesmo dia que o ex-marido Mané Garrincha

A cantora veio a óbito nesta quinta-feira, 20 de janeiro, cerca de 40 anos depois do ex-marido, falecido em 1983

Resumo da Notícia

  • Elza Soares morreu nesta quinta-feira, 20 de janeiro
  • A cantora faleceu no mesmo dia que o ex-marido, Mané Garrincha
  • O jogador faleceu em 1983

Nesta última quinta-feira, 20 de janeiro, faleceu a cantora Elza Soares, aos 91 anos, mesmo dia em que o jogador, Mané Garrincha, em 1983, com quem manteve um relacionamento por 17 anos.

-Publicidade-

Os dois se casaram em 1966 e ficaram juntos até 1982. Eles tiveram um filho, Manoel Francisco dos Santos Júnior, que recebeu o apelido de “Garrinchinha”. O jovem faleceu em 1986, após sofrer um acidente de carro.

Elza Soares morre no mesmo dia que Mané Garrincha
Elza Soares morre no mesmo dia que Mané Garrincha (Foto: Reprodução / Estadão)

“Eu sonho muito com o Mané. O maior amor da minha vida foi ele”, se declarou a artista no programa “Conversa Com Bial”, em 2018.

“Ele me prometeu e disse: ‘Olha criola, essa Copa eu vou dar pra você, vou fazer gol pra você (…) Eu nunca gostei de ser mulher de fulano. Eu sou eu. Não era preciso ser mulher do Garrincha pra ser a Elza Soares. O Garrincha era marido da Elza Soares”, acrescentou ela.

A morte de Elza Soares foi confirmada no perfil da cantora no Instagram
A morte de Elza Soares foi confirmada no perfil da cantora no Instagram (Foto: reprodução/Instagram/@elzasoaresoficial)

O falecimento da artista foi anunciado ao público através das redes sociais, pela equipe e familiares. Confira a nota abaixo:

“É com muita tristeza e pesar que informamos o falecimento da cantora e compositora Elza Soares, aos 91 anos, às 15 horas e 45 minutos em sua casa, no Rio de Janeiro, por causas naturais. Ícone da música brasileira, considerada uma das maiores artistas do mundo, a cantora eleita como a Voz do Milênio teve uma vida apoteótica, intensa, que emocionou o mundo com sua voz, sua força e sua determinação. A amada e eterna Elza descansou, mas estará para sempre na história da música e em nossos corações e dos milhares fãs por todo mundo. Feita a vontade de Elza Soares, ela cantou até o fim”.