Entenda como o seu humor pode impactar diretamente a saúde mental do seu filho

Pesquisas mostraram como os pais que estão passando por mais estresse podem não estar tão envolvidos com o que está acontecendo com seus filhos, o que pode levar a atrasos na cognição e problemas comportamentais

Resumo da Notícia

  • O seu humor pode afetar diretamente a saúde mental do seu filho
  • Pesquisas mostraram como os pais que estão passando por mais estresse podem não estar tão envolvidos com o que está acontecendo com seus filhos
  • E isso pode levar a atrasos na cognição e problemas comportamentais das crianças

Uma nova pesquisa vincula os níveis de estresse e o humor dos pais ao desenvolvimento das crianças das principais formas. Leia o relato desta mãe e psicóloga:

-Publicidade-
Uma nova pesquisa vincula os níveis de estresse e o humor dos pais ao desenvolvimento das crianças das principais formas (Foto: Getty Images)

“Meu marido costuma me lembrar que eu sou o centro de nossa família e meu humor afeta todos que vivem sob nosso teto. É uma responsabilidade que não me anima muito. Todos os dias, o impacto que minha saúde mental e felicidade têm nos meus filhos é uma força motriz por trás de minha visão da vida e de como me expresso e trato os outros.

Bem, agora um novo estudo da Michigan State University, publicado nos periódicos Early Childhood Research Quarterly e Infant and Child Development, encontra uma forte ligação entre o humor dos pais e a saúde mental e o desenvolvimento das crianças, tanto mentais quanto comportamentais.

-Publicidade-

O estudo analisou 730 famílias, principalmente de baixa renda, e o estresse relacionado aos pais. Usando questionários que pediam aos participantes que classificassem afirmações como ‘Sinto-me preso pelas minhas responsabilidades como mãe’ ou ‘Às vezes sinto que meu filho não gosta de mim’, os pesquisadores determinaram que, quando os pais estão significativamente estressados ​​e apresentam sintomas depressivos, o desenvolvimento da linguagem é afetado negativamente.

Especificamente, as crianças tinham habilidades de linguagem mais baixas aos 3 anos de idade. E, embora ambos os sexos tenham pontuações mais baixas nos testes de cognição, curiosamente, o estresse e a saúde mental relacionados aos pais pareciam impactar o desenvolvimento da linguagem dos filhos mais do que o estresse das mães, de acordo com o Psychology Today. Também interessante é que, mesmo quando a influência positiva de uma mãe foi levada em consideração, o humor do pai ainda era importante.

O estudo também descobriu que a saúde mental de mães em geral teve um efeito igualmente significativo nos problemas de comportamento de crianças pequenas. Curiosamente, a depressão dos pais durante os anos de infância de seus filhos foi mais influente nas habilidades sociais posteriores das crianças do que nos sintomas de suas mães.

A depressão dos pais durante os anos de infância de seus filhos foi mais influente nas habilidades sociais posteriores das crianças (Foto: Getty Images)

A pesquisadora principal Claire Vallotton, professora associada de desenvolvimento infantil da Michigan State University, comentou as descobertas em um comunicado, dizendo: ‘Existe toda essa ideia que surgiu de pesquisas anteriores de que os pais realmente não têm efeitos diretos nos filhos, que meio que criam o ambiente familiar e que as mães que afetam o desenvolvimento das crianças, mas aqui mostramos que os pais também tem um impacto diretamente nos filhos, tanto a curto como a longo prazo’.

Os pesquisadores sugerem que os pais que estão passando por mais estresse podem não estar tão envolvidos com o que está acontecendo com seus filhos, o que pode levar a atrasos na cognição e problemas comportamentais.

A conclusão das descobertas para os pais, de acordo com a pesquisadora Tamesha Harewood, é simplesmente a seguinte: ‘Você é importante para seus filhos, por isso precisa se cuidar’. Os pais não devem se sentir ‘menos masculinos’ porque precisam de ajuda”.

    -Publicidade-