Entrou um inseto no ouvido do meu filho. E agora? O que fazer?

A presença de insetos no organismo pode causar infecções, dor, hemorragia e até perda auditiva

Resumo da Notícia

  • Moscas, baratas, mariposas, besouros no ouvidos das crianças são reclamações comuns nos prontos socorros pediátricos
  • Cuidado! Um corpo estranho no ouvido pode provocar dor, infeção, hemorragia e até a perda auditiva
  • Buscar atendimento médico é a melhor opção para resolver o problema

Isso pode acontecer durante um passeio no parque ou um final de semana num sítio, mas é comum também em áreas urbanas.

-Publicidade-

Segundo especialistas, esses casos são mais frequentes do que parecem. Moscas, baratas, mariposas, besouros no ouvidos das crianças são reclamações comuns nos prontos socorros pediátricos.

Um inseto no ouvido causa incômodo e dor (Foto: Shutterstock)

Na semana passada, uma mulher ficou mais de 24 horas com uma barata dentro do ouvido em Cabo Frio, no Rio de Janeiro. Ela contou que buscou atendimento médico e não havia médico especialista para fazer o atendimento.

Pode parecer engraçado, mas o caso é sério! Um corpo estranho no ouvido pode provocar dor, infeção, hemorragia e até a perda auditiva.

Mas, como tirar?

Nesses casos, deve-se buscar ajuda médica imediatamente (Foto: Thinkerstock)

A indicação dos médicos é para não tentar tirar o inseto em casa. As moscas, por exemplo, podem depositar ovos e larvas no canal de audição. Já os carrapatos, podem transmitir outras doenças por meio de vírus e bactérias ou até soltar substâncias anticoagulantes. O ideal é buscar ajuda profissional, o mais rápido possível, para que a audição da criança não seja comprometida.

Importante lembrar também que a presença de insetos no organismo pode causar infecções secundárias e uma avaliação médica é necessária para realizar o tratamento correto.