Escola esconde 20 alunos dentro do banheiro durante fiscalização em Florianópolis

A Vigilância Sanitária recebeu uma notificação sobre o funcionamento indevido e foi até o local. Apesar dos esforços, a instituição foi interditada e recebeu uma multa

Resumo da Notícia

  • Escola esconde 20 alunos dentro do banheiro durante fiscalização em Florianópolis
  • A Vigilância Sanitária recebeu uma notificação sobre o funcionamento indevido e foi até o local
  • A instituição foi interditada e recebeu uma multa
  • Eles também vão responder por estarem funcionando sem alvará

Uma escola particular de Florianópolis escondeu 20 crianças dentro do banheiro durante uma fiscalização da vigilância sanitária na tarde da última quarta-feira, 17 de março, no intuito de omitir o funcionamento. A fiscalização, no entanto, descobriu a ação, multou e interditou a escola, por ter contrariado o decreto municipal.

-Publicidade-
Escola de Florianópolis esconde 20 crianças no banheiro (Foto: iStock)

De acordo com o que a Vigilância em Saúde de Florianópolis disse ao portal local NSC, além do funcionamento irregular, a escola estava atuando sem alvará sanitário. Durante a ação, a instituição recebeu uma multa de R$ 2.500 reais. Além disso, a escola irá receber uma outra multa pela falta de alvará do estabelecimento, que pode ir de R$125 a R$ 2.500.

A ação não é incomum em Florianópolis. Ainda segundo o noticiário local, a Vigilância Sanitária recebeu mais de  40 denúncias de irregularidades em escolas da capital apenas em março. Na segunda-feira, 15 de março, o órgão atendeu uma ocorrência em outra escola, onde três crianças que tiveram contato com pessoas infectadas com a Covid-19 e, por isso, precisavam ficar em isolamento, estavam frequentando a escola.

Neste caso, os pais já haviam sido notificados que não poderiam levar os filhos à escola, devido ao contato com pessoas infectadas, mas decidiram levar as crianças mesmo assim e se recusavam a buscá-las antes do final das aulas. A própria escola acionou a vigilância e os pais precisaram pagar uma multa de R$ 1.250 reais.