Esposa de DJ Ivis mostra agressões que sofreu na frente da filha em vídeos: “Sofri calada”

A arquiteta Pamella Gomes de Holanda era companheira de Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, e publicou nas redes sociais uma série de vídeos sendo agredida pelo marido na frente da filha de 9 meses do casal

Resumo da Notícia

  • Pamella Gomes de Holanda, esposa de DJ Ivis, expôs agressões que sofreu pelo marido em vídeo nas redes
  • No registro publicado, a mãe aparece recebendo chutes e tapas em frente ao filho de 9 meses do casal
  • Ela ainda desabafou sobre a relação abusiva que viveu ao lado do marido
  • O Dj se pronunciou nas redes sociais - e falou que está sendo "chantageado"

Pamella Gomes de Holanda expôs agressões que sofreu na mão do marido, o DJ Ivis, nas redes sociais no último domingo, 11 de julho. A mãe e esposa do artista publicou uma série de vídeos em que aparece levando chutes e tapas do companheiro, até mesmo em frente a filha de 9 meses do casal. Diversos famosos se posicionaram contra o artista e demonstraram apoio à Pamella.

-Publicidade-

Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, também utilizou as redes sociais para se pronunciar sobre as acusações. Segundo ele, essa teria sido uma forma de “se defender” do comportamento “desequilibrado” da esposa – e que ele mesmo teria sofrido tentativas de agressão no passado.

“Não estou aqui para justificar nada”, declarou. “Estou aqui para mostrar que não aguento mais isso. Muitas pessoas vão me julgar, mas eu não suportava mais isso, eu recebi chantagens, ameaça de morte com a minha filha. Ninguém sabe o que é isso que eu passei”.

Ainda segundo o Dj, o casal vivia um relacionamento conturbado há algum tempo – e, em março deste ano, ele mesmo chegou a registrar um boletim de ocorrência contra Pamella – que não aceitava o fim do casal, e ameaçava atacar a filha.

Pamella desabafou sobre as agressões nas redes sociais (Foto: Reprodução/ Instagram)

No último dia 3 de julho, Pamella chegou a registrar uma denúncia de agressão contra o marido. Já no dia seguinte, o Ministério Público solicitou uma medida protetiva para ela e para a filha do casal contra Ivis, que foi concedida pelo Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE). Nas redes sociais, a mãe desabafou sobre a situação.

“Não existe fama, status, dinheiro, posição social, contato ou influência que permita ele de ficar impune. Eu me calei por muito tempo. Eu sofria sozinha com minha filha, sem apoio até dos que diziam estar ali para ajudar, que eram coniventes e presenciaram tudo calados, sem interferir, com a desculpa de que eu tinha que aguentar calada”, comentou. “Por mim e por você, minha filha. Que sentia junto comigo, antes de nascer, a angústia e o medo. Estamos salvas”, também escreveu, em novo post, sobre a denúncia feita contra o agressor.

“Quero e preciso agradecer todo o apoio que estou recebendo. Dizer que não estou bem, mas que estou segura. Eu e minha filha”, também declarou. E, de fato, Pamella vêm recebendo muito apoio de diversas celebridades e internautas. A ganhadora do BBB21 Juliette Freire desabafou, em seu Twitter: “Por nenhuma mulher a mais silenciada, a violência não pode e nem deve nos calar. Não existe justificativa. Todo meu apoio à Pamella e meu repúdio às cenas e atos de horror do Dj Ivis. Violência contra mulher é crime”.

Juliette demonstrou apoio à Pamella pelo Twitter (Foto: Reprodução/ Twitter)

A polícia do Ceará segue investigando as agressões registradas por câmeras de segurança. DJ Ivis, que era produtor de Xand Avião e foi responsável por grandes hits como “Esquema Preferido”, foi demitido da gravadora que fazia parte. O artista possui mais de 7 milhões de ouvintes no Spotify e têm 29 anos. Confira os detalhes: