“Estou feliz que minha mãe morreu”, diz Jennette McCurdy, de ‘iCarly’, em autobiografia

Jennette McCurdy abriu o coração no seu livro, sobre como a mãe a pressionou para entrar na carreira artística desde jovem, e isso acarretou em diversos problemas de saúde para a atriz

Resumo da Notícia

  • Jennette McCurdy, ficou mundialmente conhecida por interpretar a personagem Sam na série ‘ICarly’
  • A atriz irá lançar um livro sobre sua biografia em agosto deste ano
  • O título da obra se chamará ‘Estou feliz que minha mãe morreu’

Jennette McCurdy, 28, ficou mundialmente conhecida por interpretar a personagem Sam na série ‘ICarly’. A atriz irá lançar um livro sobre sua biografia em agosto deste ano, e o título da obra se chamará ‘Estou feliz que minha mãe morreu’. Jennette abriu o coração sobre como a mãe a pressionou para entrar na carreira artística desde jovem, e isso acarretou em diversos problemas de saúde para a atriz.

-Publicidade-

Jennette se tornou uma das estrelas do canal Nickelodeon, mas também sofreu de ansiedade, vergonha, auto aversão, distúrbios alimentares e vícios, além de uma série de relacionamentos não saudáveis. Debbie, a mãe de Jennette, morreu de câncer em 2013 e ela já falou sobre a pressão que sofreu em casa.

Jennette McCurdy irá lançar biografia com o título 'Estou feliz que minha mãe morreu’
Jennette McCurdy irá lançar biografia com o título ‘Estou feliz que minha mãe morreu’ (Foto: Reprodução/Instagram @jennettemccurdy)

“Minha mãe sempre desejou que eu fosse uma atriz famosa. Ela era obcecada com isso”, contou ela à revista People, explicando que aos 10 anos já fazia clareamento nos dentes e pintava os cabelos. Com 11, Jennette encarava dietas rigorosas e ao ser escalada para iCarly tinha anorexia e bulimia.

Jennette abandonou a carreira em 2016, três anos após a morte da mãe. No livro ela contou como decidiu parar de atuar, detalhando que por muito tempo Debbie manteve contato com paparazzi e fãs e que ser atriz foi a forma que sua família, muito pobre, encontrou para melhorar de vida.