Família cai em golpe de agência de modelos e perde mais de R$ 2 mil: “Única renda que a gente tinha”

A mãe contou que a família está extremamente abalada, já que essa era a única reserva deles e o sonho dos filhos de trabalharem como modelo foi afetado

Resumo da Notícia

  • Em Santos, uma mãe levou os dois filhos para um teste de uma suposta agência de modelos
  • As crianças foram aprovadas e ela pagou R$ 2.500 no contrato
  • A agência deveria ter entrado em contato até uma certa data, mas não aconteceu
  • A mãe percebeu o golpe e registrou um BO

Um casal da cidade de Santos, litoral de São Paulo, relata ter perdido R$ 2.500 ao cair em um golpe aplicado por uma suposta agência de modelos. A empresa prometeu tirar do papel o sonho dos filhos e cuidar da carreira deles, uma garota de 9 anos e um menino de 5.

-Publicidade-

Após o pagamento e a assinatura do contrato para o agenciamento dos aspirantes à modelo, os pais foram bloqueados nas redes sociais pelos falsos agentes, que simplesmente desapareceram. A mãe das crianças, Deborah de Oliveira, contou ao G1 que a família está desesperada com o prejuízo, já que o dinheiro era a única reserva deles. “Estamos extremamente abalados. Ainda não consegui estornar o valor no cartão. Minha filha está arrasada, disse que não quer mais saber de ser modelo depois de sermos enganados”, disse ela.

E também, relatou a tristeza dos filhos, que chegaram a ser fotografados pela agência e estão pensando até em desistir da carreira. Um boletim de ocorrência (BO) sobre o suposto crime foi registrado no 1º Distrito Policial (DP) de São Vicente, uma cidade vizinha a Santos.

Deborah conta que uma mulher se apresentou como ‘Gabrielle’ e entrou em contato com a família por meio de redes sociais: “Ela disse que estava fazendo captação [de candidatos] para uma seleção de uma agência de modelos em Santos.” O encontrou ocorreu em um hotel no último domingo, dia 26 de junho. Cerca de 100 pessoas estavam lá, tanto crianças quanto adultos, para tentar a oportunidade.

“Duas funcionárias falaram que meus filhos fariam um teste de fotos e, caso fossem aprovados, conversaríamos com o diretor. Eles foram, e fomos levados a um produtor, que se identificou como Caio”, lembrou Deborah. Então, o homem disse que cobraria R$ 7.800 para agenciar a carreira das crianças na “Paulo Tavares Produções e Model”. Ele garantiu que já teria dois serviços certos e combinados para as crianças trabalharem no próximo sábado, dia 2 de junho, e que dariam à família R$ 20 mil.

“Não tínhamos esse valor no cartão de crédito, ele então liberou que assinássemos [o contrato] por R$ 2.500. O restante poderia ser pago depois que as crianças recebessem os cachês [de R$ 20 mil]. Enquanto ele conversava conosco, mandou áudios para pessoas que trabalham em agências de São Paulo e são conhecidas. Ele foi ‘trabalhando a nossa mente’ para nos convencer a pagar o agenciamento”, confessa a mãe. 

Deborah relata que ficou certo que a empresa entraria em contato com a família na quarta-feira, dia 29 de junho, o que não acorreu: “Ligo desde segunda e dois números me bloquearam, além de excluírem a conta da empresa no Instagram, que tinha mais de 20 mil seguidores. Foi quando me dei conta que era golpe.”

Família cai em golpe de agência de modelos e perde mais de R$ 2 mil (Foto: Reprodução Arquivo Pessoal)
Família cai em golpe de agência de modelos e perde mais de R$ 2 mil (Foto: Reprodução Arquivo Pessoal)

A mãe desabafa sobre a perda que o casal teve: “Estamos muito preocupados, pois era a única renda que a gente tinha. O único dinheiro disponível no cartão de crédito. Só o meu marido trabalha. Eu fui bem clara quando disse para eles: ‘Isso é tudo que a gente tem. Esse trabalho realmente existe?’. Fui muito sincera, olhando olhos nos olhos dele. E ele respondeu: ‘Claro que existe, a gente jamais faria isso’.”

Pai diz para filha que ela deveria assumir responsabilidade na hora de cuidar do bebê
A mãe contou que a família inteira está chateada (Foto: Getty Images)