Família que criou onça-pintada como animal de estimação leva animal para instituto

Eles resgataram a onça quando ela era uma recém-nascida e amamentaram e cuidaram dela por oito meses

Resumo da Notícia

  • Uma família criou uma onça-pintada como animal de estimação
  • Eles resgataram ela quando era ainda uma recém-nascida
  • Eles levaram o animal para um instituto para melhores cuidados

Uma família estava criando uma onça como um animal de estimação por oito meses, na região de Sucunduri, no interior do Amazonas. O animal foi resgatado quando ainda era um recém-nascido e como era órfã, a família optou por criá-la dentro de casa.

-Publicidade-

Porém, eles decidiram entrar em contato com o Instituto Onça-Pintada depois que percebeu que, recentemente, a onça estava querendo explorar mais a região, saindo do quintal onde ficava e indo para a casa dos vizinhos. De acordo com informações dadas pelo g1, o Ibama informou que a família temia que a onça pudesse atacar alguém ou se perder em alguma floresta.

Família que criou onça-pintada como animal de estimação leva animal para instituto
Família que criou onça-pintada como animal de estimação leva animal para instituto (Foto: Reprodução/g1)

A onça-pintada, carinhosamente apelida de de Kiara, chegou no instituto durante o último sábado, 11 de junho. Ela foi encaminhada para o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) até a cidade Mineiros, onde há um centro de referência no resgate e reprodução destes animais.

Depois de uma longa viagem, de quase 3 mil quilômetros, Kiara chegou bem no local. A diretora executiva do instituto, Anah Jácomo, informou que futuramente os profissionais devem tentar parear a Kiara com um macho do mesmo bioma dela.

“A Kiara, que é essa jovem, foi encaminhada pelo Ibama, é uma onça amazônica. Futuramente, ela vai ser pareada com um macho do mesmo bioma, contribuindo assim para a conservação da espécie”, disse Anah.