Família vira a noite no telhado de casa após temporal histórico na Alemanha causar inundações

O casal de brasileiros Marcela Amandio e Lucas Spader e a filha deles, Olivia, tiveram a moradia invadida pela água, que estava na altura da cintura

Resumo da Notícia

  • Uma família de brasileiros precisou ficar no telhado de casa durante a noite, após as inundações na Alemanha
  • Isso foi causado por uma tempestade história que caiu entre quinta e sexta-feira
  • Além deles, outros vizinhos precisaram fazer o mesmo

No fim desta semana (entre quinta e sexta-feira – 15 e 16 de julho), um temporal histórico atingiu a Alemanha, causando alguns prejuízos para diversas famílias. Alguns brasileiros que moram no país também sentiram os efeitos dessa tragédia.

-Publicidade-
Diversas famílias tiveram prejuízos com o temporal histórico que aconteceu na Alemanha (Foto: Reprodução/ G1)

Em entrevista ao Globo, Marcela Amandio, Lucas Spader contaram mais sobre a situação e o susto quando tudo começou. O casal, que mora em Bad Neuenahr Ahrweiler e tem uma filha de 7 anos, Olivia, comentou que  não demorou muito para a água subir.

Segundo eles, a água chegou na altura da cintura de um adulto, o que obrigou não apenas a família, mas outros vizinhos a passarem a noite no telhado. Embora usando cobertores, por estarem molhados, não foram suficientes para proteger do frio.

“Vivi o terror. Primeira vez que senti medo de verdade na vida”, disse Lucas ao portal, após contar que estava trabalhando em um restaurante que fica de frente para a própria casa, quando se deu conta da seriedade da situação.

Por ser noite, Marcela explicou que ela e a filha já estavam dormindo quando tudo começou, porém a intensificação da chuva fez a vizinha bater na porta e recomendar que levasse os pertences essenciais para outro andar.

“Foi tudo muito rápido. Os vizinhos pegaram minha filha, levaram para cima. Quando a gente viu já estava entrando água em casa. Eu saí de casa, e a água estava na cintura. Tentei pegar o máximo de coisas que consegui. Eu até caí e cortei o pé, mas tudo bem. A gente foi para cima, e a água não parava de subir. Por intercessão de Deus, a gente conseguiu subir no telhado pelo cano da calha, e ele não quebrou. Foi uma força sobrenatural”, desabafou a mulher.