Filha do príncipe Harry e Meghan Marckle é incluída na linha de sucessão real

O Palácio de Buckingham demorou exatos 52 dias para formalizar a entrada de Lilibet Diana na lista do trono britânico

Resumo da Notícia

  • Lilibet Diana foi incluída na linha de sucessão ao trono
  • Ela nasceu no dia 4 de junho, fruto do relacionamento de Meghan Markle e Harry
  • A menina está em oitavo lugar na lista para o trono britânico

Lilibet Diana foi incluída na linha de sucessão da realeza britânica quase dois meses após o nascimento. Ela é fruto do relacionamento de Meghan Markle, duquesa de Sussex, com Harry e nasceu na sexta-feira, 4 de junho. O casal já é pai de Archie, de 2 anos.

-Publicidade-
Filha de Meghan e Harry entra na linha de sucessão da realeza britânica (Foto: Getty Images)

Os duques decidiram abrir mão da realeza e agora moram nos Estados Unidos. O Palácio de Buckingham levou exatos 52 dias para “formalizar” a inclusão da menina na lista sucessória. Segundo o porta Daily Mail, Archie foi adicionado na lista 15 dias depois do nascimento e o príncipe Louis, o filho mais novo do príncipe William e Kate Middleton, foi adicionado 12 dias após o nascimento.

Agora, a herdeira mais nova de Harry é a oitava na fila para o trono britânico, logo atrás do irmão mais velho. O nascimento dela mudou a linha de sucessão, colocando o príncipe Andrew, o duque de York, em nono lugar.

Em entrevista ao portal Insider, o correspondente real Robert Jobson disse que “não faz diferença” que o site do Palácio de Buckingham não tenha sido atualizado logo após o nascimento de Lilibet e explicou: “Como filha legítima do duque e da duquesa de Sussex, Lilibet é a próxima na oitava posição na linha de sucessão ao trono, depois de seu irmão Archie”.

O casal escolheu o nome da filha em homenagem à bisavó e à avó (Foto: reprodução / Instagram @sussexroyal)

A escolha do nome da menina é uma homenagem tanto à rainha Elizabeth quanto à princesa Diana.  Lilibet faz referência ao apelido que a bisavó recebeu da família, já o Diana, foi escolhido em homenagem à avó, a princesa de Gales, que faleceu em 1997. A recém nascida não tem o título de princesa.