Filha de Kobe Bryant morta em acidente era promessa do basquete e motivo de orgulho do pai

Gianna, de 13 anos, seguia os passos do pai com carreira no basquete

(Foto: Reprodução/Instagram)

Gianna Bryant, filha do astro Kobe Bryant, morreu ao lado do pai neste domingo (26) em um acidente de helicóptero. Seguindo os passos do pai, a menina de 13 anos era uma promessa do basquete americano.

-Publicidade-

Atleta da WNBA, a Liga Norte-Americana de Basquete feminino, Gigi, como era chamada, era motivo de orgulho do pai, que mostrava os feitos da filha nas redes sociais. “Ela está trabalhando e melhorando a cada dia”, postou o ex-jogador. As comparações entre pai e filha eram constantes — ela costumava imitar as jogadas do pai na quadras.

(Foto: Reprodução/Instagram)

Em maio de 2019, os lances da adolescente em uma partida renderam elogios e comparações com o pai. No vídeo, Gianna mostra habilidade no drible e nos arremessos, elogiados pelos internautas nas redes sociais.

-Publicidade-


Kobe apostava que a filha iria seguir carreira no basquete. O plano de Gianna era ingressar na faculdade de UConn, vitoriosa no basquete feminino, e seguir carreira profissional na WNBA.

Gianna, inclusive, foi quem fez o pai se reapaixonar pela NBA. Segundo o USA Today, Kobe raramente assistia aos jogos da liga desde a sua aposentadoria, em 2016. Mas com o interesse da filha pelo esporte, ele voltou a acompanhar a liga e ver jogos quase todas as noites. Recentemente, eles assistiram uma partida dos Lakers pessoalmente.

O acidente

Segundo o TMZ, Kobe e Gianna estavam a caminho da Mamba Sports Academy para um treino de basquete quando o acidente ocorreu. A mulher de Bryant, Vanessa, e suas outras três filhas Natalia, Bianca e Capri, de apenas 7 meses, não estavam no helicóptero.

(Foto: Reprodução/Instagram)

Leia também:

Filha de Kobe Bryant, Gianna, morre em acidente de helicóptero ao lado do pai

Ex-jogador Kobe Bryant morre em acidente aéreo e deixa esposa e filhas

    -Publicidade-