Filha de Maurício Mattar abre coração sobre como mãe está diante da briga em família: “Sofre em dobro”

Petra Mattar usou novamente as redes sociais para desabafar sobre o assunto. Respondendo o comentário dos seguidores, ela disse que não é a primeira vez que a mãe, Fabiana Sá, passa por isso

Resumo da Notícia

  • Petra Mattar voltou a falar nas redes sociais sobre o desentendimento que tem com o pai
  • Dessa vez, ela respondeu o comentário de um seguidor explicando como a mãe está nessa situação
  • Petra afirmou que não sente mágoa
(Foto: reprodução / Instagram @petra @mauriciomattar)

Petra Mattar, filha de Maurício Mattar voltou a desabafar sobre a relação com o pai nas redes sociais. Na última quarta-feira, 27 de maio, ela havia mencionado que os dois estavam brigados e confessou que eles não se falam há oito meses.

-Publicidade-

Com um post, pelo Instagram, ela explicou que não guarda nenhum tipo de rancor e segue a vida normalmente. “Como muitos de vocês sabem, não é a primeira vez que fico sem falar com o meu pai. Já fiquei sem falar com o meu pai há alguns anos. Já tivemos os nossos problemas. Novamente estamos sem nos falar, sim”, começou falando sobre o desentendimento.

Depois da repercussão, a menina voltou a responder algumas perguntas dos seguidores no Instagram, entre elas, uma explicando como sua mãe, Fabiana Sá, tem reagido diante dessa briga pública.

-Publicidade-

“Eu e minha mãe somos melhores amigas. Como melhores amigas, ela compartilha do meu pensamento, mas ao mesmo tempo ela fica triste porque ela é mãe. Nenhuma mãe quer ver o filho triste, chateado, ou passando por essa situação”, disse em vídeo.

Petra completou: “Como não é a primeira vez que ela me vê passando por isso, eu passei por isso muitas vezes, ela fica mal. Sofre em dobro”. Ela também respondeu se sente mágoa do pai: “Eu já tive, hoje não tenho, não. Eu acredito que nada nessa vida é por acaso, e se vim filha dele e ele consequentemente meu pai, alguma missão nessa vida temos juntos”.

Por fim, ela afirmou: “Eu entendi também que cada pessoa tem a sua limitação. Eu tenho a minha, você tem a sua, e o meu pai tem a dele. E tudo bem. Acredito que dentro do possível dele, ele foi o melhor que poderia ser, e eu não tenho que cobrar o que deveria ser espontâneo”.

Petra não revelou o motivo da briga entre os dois, mas garantiu que são vários e não havia motivo para resgatar isso agora.

Novo aplicativo Pais&Filhos Interativo: teste seus conhecimentos, acumule pontos para trocar por prêmios e leia conteúdos exclusivos! Para baixar, CLIQUE AQUI.

-Publicidade-