Filha ganha detenção por não levar iPad totalmente carregado para escola e mãe reclama: “Um absurdo”

O caso aconteceu em Birmingham, na Inglaterra. Uma aluna ganhou detenção por ter levado o iPad com 93% de bateria, e a mãe desabafou na Internet sobre o ocorrido

Resumo da Notícia

  • Uma escola em Birmingham usa iPads como parte do material escolar
  • Uma aluna ganhou detenção por não levar o iPad totalmente carregado para a escola
  • A mãe da menina desabafou sobre o assunto na Internet

Um caso em uma escola na cidade de Birmingham ganhou repercussão na Internet. Uma escola que usa iPads como ferramenta de ensino deu uma detenção para uma aluna por não trazer o aparelho totalmente carregado.

-Publicidade-
A aluna ganhou uma detenção por não estar com o iPad carregado
A aluna ganhou uma detenção por não estar com o iPad carregado (Foto: Getty Images)

Segundo o Birmingham Live, uma mãe mandou um e-mail à escola para reclamar do acontecimento. Na regra escolar, crianças com iPads com menos de 97% podem receber punições por isso, e o iPad da aluna em questão estava com 93%. Em um uma publicação feita na Internet, a mãe explicou o ocorrido: “Minha filha ganhou uma detenção porque seu iPad estava com 93% quando chegou na escola”.

Ela continua contando que já falou com os responsáveis: “A coordenadora da sala, que eu já mandei um e-mail, disse que o iPad não pode ter menos de 97% de bateria ou aluno será punido”. Além disso, ela deixa claro o choque com a situação: “Eu estou desconcertada. Alguém já ouviu falar de um absurdo assim?”.

No e-mail enviado à coordenadora, a mãe escreveu: “O fato do iPad da Georgia estar com 93% de bateria não influencia no aprendizado dela. […] Não quero ser um daqueles pais que fica questionando a escola e as regras, mas não consigo entender a razão por trás de uma punição arcaica quando ela não fez nada de errado”.