Filho de Rainha Elizabeth II diz que mãe sente ‘grande vazio’ após morte de príncipe Philip

Andrew, Duque de York falou sobre como a monarca está lidando com a morte do Duque de Edimburgo. A família Real realizou uma missa para o príncipe Philip

Resumo da Notícia

  • Rainha Elizabeth II sente 'grande vazio' após a morte do príncipe Philip, diz filho
  • Andrew, Duque de York falou, segundo filho de Rainha Elizabeth II e príncipe Philip falou sobre a dor da perda
  • A Família Real realizou uma missa para o Duque de Edimburgo no Reino Unido

O segundo filho da Rainha Elizabeth II, disse que a perda do príncipe Philip, aos 99 anos, deixou “um grande vazio” na vida da mãe. A Família Real realizou uma missa para o Duque de Edimburgo no Reino Unido, neste domingo, 11 de abril.

-Publicidade-
Rainha Elizabeth sente ‘um grande vazio’ com a perda de Príncipe Philip (Foto: reprodução/Instagram/@royalfamily)

A rainha descreve o momento como “um grande vazio em sua vida”, disse Andrew segundo o G1. “É quase como se perdêssemos o avô da nação e sinto muito, apoio minha mãe, que provavelmente está sentindo isso mais do que qualquer outra pessoa”, acrescentou.

O funeral que acontecerá no próximo sábado, será um evento reduzido e discreto, algo definido antecipadamente pelo próprio Philip, e levou em consideração todas as necessidades sanitárias para evitar a proliferação da covid-19, como apontado pelo jornal O Globo.  Podendo assistir apenas 30 pessoas, que devem incluir os quatro filhos de Philip e Elizabeth II (Charles, Anne, Andrew e Edward), seus companheiros e filhos.

“O funeral não será de Estado e não haverá um velório aberto ao público. O corpo de Sua Alteza será levado ao Castelo de Windsor antes do funeral na Capela de São Jorge. Isso está de acordo com os costumes e os desejos de Sua Alteza”, explicou o Colégio de Armas de Londres, responsável pelo protocolo, em um comunicado. “Os arranjos para o funeral foram revisados diante das circunstâncias decorrentes da pandemia da covid-19 e com pesar pedimos ao público que não tente participar dos atos”, completou.

O funeral terá várias etapas e a primeira parte já está em andamento: o Reino Unido está em luto, com bandeiras a meio mastro e todos os apresentadores de canais televisivos estão usando roupas pretas. Além disso, todos os eventos que envolvem a família real foram cancelados até segunda ordem.

O príncipe, na prática, tem direito a um grande funeral, como o que aconteceu quando a rainha-mãe Elizabeth faleceu em 2002 e no caso da princesa Diana, mas Philip, que nunca gostou de grandes eventos, deixou claro a vontade de ter um funeral mais discreto, mesmo antes da pandemia.