Filho denuncia ‘falsa aplicação de vacina’ no pai após analisar vídeo feito durante a imunização

José Ângelo de Souza Júnior levou o idoso para ser vacinado no dia 19 de março, na UBS Jardinópolis

Resumo da Notícia

  • José Ângelo de Souza Júnior levou o pai para ser vacinado no dia 19 de março
  • No entanto, os familiares suspeitarem do idoso não ter sido de fato vacinado ao ver vídeo do momento da aplicação
  • O filho denunciou a falsa aplicação da vacina e o profissional de saúde deve ser investigado

José Ângelo de Souza Júnior levou o pai para ser vacinado no dia 19 de março, na Rua Jangada Nova, 75, Cidade Dutra. Ele filmou o momento da imunização para mandar no grupo da família, no entanto, os familiares perceberam que durante a aplicação o profissional de saúde não injetou a dose, apenas o espetou.

-Publicidade-

Incrédulo, o filho denunciou a falsa aplicação da vacina. De acordo com o Boletim de Ocorrência (B.O), a comunicação foi feita no dia 30 de março, na última terça-feira. Daniel Moraes de Azevedo, que simulou a aplicação, já foi para a delegacia e prestou depoimento.

O filho flagou a falsa aplicação de vacina no pai (Foto: Reprodução/ Band)

“Eu desconfiei há um tempo, por causa dos meus irmãos, que eu mandei pra eles o vídeo, e eles todos viram, felizes, porque eu perdi a minha mãe pela covid-19, e nessa, todo mundo desconfiou da gravação, que ele não foi vacinado”, disse. A falsa aplicação aconteceu na UBS Jardinópolis e o caso foi apresentado ao 101º DP.

Segundo a Band, ele deve ser investigado. “Tinha um monte de senhores e senhoras na fila, sozinhos, que não foram filmados, nem tiraram fotos, não foi feito nada. Será que foram vacinados?”, questiona José. Depois do B.O o pai saiu da delegacia e foi verdadeiramente vacinado contra o novo coronavírus.