Filho renegado de Maradona desabafa sobre relação complicada com o pai: “Eu o perdoei”

Diego Sinagra, de 34 anos, contou que esperou 29 anos para conseguir ter uma relação com o ex-jogador de futebol

Resumo da Notícia

  • Diego Sinagra, de 34 anos, mais conhecido como Maradona Júnior, ainda está lidando com o luto do pai
  • Ele contou que nasceu de uma relação extra-conjugal do então jogador do Napoli com a empregada da casa onde morava, Cristiana
  • O filho disse que independente das dificuldades ele perdoou o pai

Diego Sinagra, de 34 anos, mais conhecido como Maradona Júnior, ainda está lidando com o luto do pai. Em entrevista na rádio onde trabalha, a CRC, da Itália, ele contou que nasceu de uma relação extraconjugal do então jogador do Napoli com a empregada da casa onde morava, Cristiana.

-Publicidade-

Toda a gravidez e o parto da mulher foram acompanhados pela imprensa italiana, mas, independente da repercussão, Maradona negou a paternidade e Diego passou a infância e adolescência sendo alvo de desconfiança e bullying por quem não acreditava que ele era filho do astro do Napoli.

Maradona e Maradona Júnior (Foto: Reprodução/ Terra)

O pai e o filho se encontraram pela primeira vez em 2003, quando Sinagra tinha 17 anos. Ele descobriu que o ex-jogador de futebol estaria na região de Roma para jogar golfe e driblou os seguranças para ver o pai. A partir daí, mantiveram uma relação cordial, porém distante. A aproximação efetiva ocorreu somente em 2016, quando Diego Jr. e sua mulher, Nunzia Pennino, visitaram Maradona em Buenos Aires.

-Publicidade-

“Precisei de 29 anos e meio para recuperar minha relação com meu pai. Jamais esquecerei dos cinco anos que vivemos juntos. Nunca quis recriminá-lo pelo passado e guardar rancores inúteis. Eu disse a meu pai que queria construir um futuro juntos, do zero.” Isolado após ser diagnosticado com covid-19, Maradona Jr. lamentou não ter ido ao velório e enterro. “Ele foi embora muito cedo, mas fui feliz no tempo que compartilhamos. Eu o perdoei”, concluiu o filho..