Genial! Professor leva internet grátis com Kombi para alunos estudarem na pandemia

Fray Antonio Alfaro é um professor de educação física, ao ver dezenas de alunos não frequentando as aulas pela falta de Wi-Fi em casa, resolveu minimizar essa desigualdade

Resumo da Notícia

  • Fray Antonio Alfaro, usou uma Kombi para rotear internet grátis aos estudantes na pandemia
  • Ele estaciona a chamada "Combiteca" em espaços públicos e as crianças se aproximam para pegar o sinal
  • A ideia genial do professor iniciou uma corrente do bem
  • A ideia pode ser feita em qualquer país!

O professor de educação física, Fray Antonio Alfaro, segundo o Só Notícia Boa, usou uma Kombi para rotear internet grátis aos estudantes durante o isolamento social. Ele batizou a incrível invenção como “Combiteca” e teve a ideia para tentar resolver a falta de acesso à internet de muitos alunos.

-Publicidade-

Ele a estaciona em lugares públicos, como ruas e praças e as crianças se aproximam para pegar o sinal e acessar o material de aula. O professor tem o sonho de eventualmente expandir o serviço às comunidades rurais, onde muitos jovens na pandemia não conseguem atender às aulas online, nem realizar as tarefas de casa por falta de Wi-Fi.

“Combiteca” estacionada na praça (Foto: Reprodução/ Só Notícia Boa)

Com o sucesso do projeto de inclusão, iniciado no bairro de San Sebastian, no México, a quantidade de alunos que era cerca de 10 anos cresceu e a “Combiteca” ampliou o próprio percurso, percorrendo as ruas do bairro Cruz Grande, onde centenas de alunos não têm acesso à internet.

-Publicidade-

Como tudo surgiu

Ao perceber que dezenas de estudantes não estavam conseguindo frequentar as aulas pela falta de internet em casa, Fray começou a pensar em um plano para tentar resolver essa desigualdade.

Com uma antena e um computador, o professor adaptou a Kombi para percorrer os bairros mais carentes com internet gratuita. Começando uma corrente do bem.

Fray na Kombi com internet grátis (Foto: Reprodução/ Só Notícia Boa)

O empresário Roberto Aguilar ajudou a etiquetar o veículo sem cobrar nada. David Álvares Mondragón configurou a rede 4G. E, graças a esses homens, dezenas de alunos voltaram a estudar.

-Publicidade-