Giovanna Ewbank mostra desenvolvimento de Zyan: “Já pega o celular”

Na última segunda-feira a apresentadora mostrou que o pequeno está se desenvolvendo bem e com 5 meses já quer pegar o celular da mãe

Resumo da Notícia

  • Na última segunda-feira, 15 de dezembro, Giovanna Ewbank compartilhou momento divertido com Zyan
  • O menino é fruto da relação da apresentadora com Bruno Gagliasso, com quem tem mais dois filhos, Titi e Bless
  • Nas imagens o pequeno encanta com os olhos azuis enquanto tenta pegar o celular da mãe

Na última segunda-feira, 15 de dezembro, Giovanna Ewbank compartilhou momento divertido com Zyan. O menino é fruto da relação da apresentadora com Bruno Gagliasso, com quem tem mais dois filhos, Titi e Bless. Nas imagens o pequeno encanta com os olhos azuis enquanto tenta pegar o celular da mãe.

-Publicidade-
Ele pegou o celular de Giovanna (Foto: Reprodução/ Instagram @giovannaewbank)

“Já quer pegar o celular da mamãe!”, começou ela, que continuou: “Meu pingo! Cadê seu elefantinho? Cadê o elefantinho do bebê? Ai que lindo meu Deus! Meu amor! Pegou o celular!”.

Diástase abdominal

Recentemente Giovanna usou as redes sociais  para conversar sobre um assunto importante com os seguidores. A apresentadora compartilhou que sofreu com uma diástase abdominal após dar à luz ao filho caçula,Zyan, em julho. Nos stories, ela explicou que procurou um médico após sentir dores na coluna e perceber que o corpo não estava evoluindo como esperava.

-Publicidade-

A mãe de Titi e Bless começou explicando sobre o que é a doença: “Quando a gente engravida, o músculo do nosso abdome se separa, é a famosa diástase. Fiquei com três dedos de distância entre um músculo e outro”. Ela ainda disse que não pode fazer alguns exercícios por risco de piorar o quadro. “Comecei a buscar na internet o que fazer para minimizar essa diástase. Comecei a ter muita dor na coluna de amamentar. Não pode fazer certos exercícios, não podia fazer posições na ioga”, falou.

Giovanna encerrou a conversa dizendo que está aproveitando o momento para se adaptar ao pós-parto, tanto na alimentação e atividade física, como na rotina geral. “Estava sentindo muita necessidade de me reorganizar na mente e corpo. Comecei a fazer ioga, que estou amando e é um momento só meu, de cuidar de mim, porque estou sempre cuidando dos pequenos. Também nunca tive uma alimentação tão saudável e boa porque tudo que eu estou ingerindo vai para o meu baby. Estou em um momento que estou cuidando muito de mim. É difícil a gente conseguir se reorganizar pós-parto, mas é possível. Estou começando a conseguir”, finalizou.

 

 

-Publicidade-