Glória Maria desabafa sobre tumor no cérebro e morte da mãe: “Não sei se vou ter forças”

A jornalista participou da nova temporada de “Conversa com Bial” e abriu o coração ao relembrar a perda, além de contar sobre a reta final do tratamento

Resumo da Notícia

  • Glória Maria descobriu um tumor no cérebro em novembro de 2019
  • A jornalista perdeu a mãe, aos 89 anos, no Carnaval deste ano
  • Ela abriu o coração sobre como está se sentindo neste momento
  • Ela é mãe de duas meninas, Laura e Maria
Ela é mãe de Laura e Maria (Foto: Reprodução/Instagram @gloriamariareal)

Na estreia da nova temporada do “Conversa com Bial“, Glória Maria foi a primeira convidada do programa, que aconteceu na madrugada desta terça-feira, 19 de maio, na Tv Globo. Realizado por videoconferência por causa da pandemia de coronavírus, a jornalista abriu o coração sobre o tumor no cérebro que descobriu recentemente e ainda falou da morte da mãe.

-Publicidade-

“Meu Deus, que ano impensável é esse em que estamos vivendo. E a vida me pegou de jeito”, começou. Ela descobriu um tumor em novembro de 2019 e precisou realizar uma cirurgia no final do ano passado. “Estava eu em casa, me senti mal depois de um jantar e caí. Fui ao hospital costurar a cabeça e, quando me deram o resultado do exame, tinha dado que eu estava com um tumor no cérebro. Foi como um caminhão passando por cima de mim”, lembrou.

Atualmente, Glória está bem de saúde e na reta final do tratamento para o tumor: “Graças a Deus eu escapei mais uma vez e já estou terminando a imunoterapia. Como eu sobrevivi, não sei, é só Deus quem sabe”, comemorou. Com outro susto, no Carnaval deste ano, enquanto ainda estava se recuperando, ela perdeu a mãe, Edna Matta, de 89 anos.

-Publicidade-
A jornalista abriu o coração e falou sobre o momento atual da vida e a reta final do tratamento (Foto: reprodução/Instagram @gloriamariareal)

“Na véspera do Carnaval, a minha mãe passou mal devido a uma insuficiência respiratória, que eu não sei se já era o coronavírus, e, no meio do caminho para o Hospital Pró-Cardíaco, ela morreu”, lamentou. Com a voz embargada, a jornalista falou cobre como se sente: “Alguma coisa está acontecendo na minha vida que é muito mais que a pandemia. Está acontecendo tudo ao mesmo tempo”.

Mãe de duas meninas, Laura e Maria, ela desabafou sobre talvez não aguentar mais uma tragédia, mas que está se mantendo forte: “Eu não sei se vou ter forças para mais alguma coisa, mas até agora eu estou legal e estou inteira. Na verdade, acho que tudo isso foi uma bênção. Deus me concedeu a graça de ter mais um pedaço de uma vida para conhecer. E, tem outra, do lugar em que a minha mãe está agora, ela pode me ver. Ela sabe de tudo o que está acontecendo comigo e pode me proteger”, concluiu.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!

-Publicidade-